Clique e assine a partir de 8,90/mês

Por que a borracha apaga o lápis e não a caneta?

Por Daniela Fescina - Atualizado em 4 jul 2018, 20h13 - Publicado em 20 jan 2014, 14h13
lapis-borracha

Pergunta do leitor – Victor Belló,

Ampére, PR

É que a tinta da caneta, por ser líquida, molha e penetra nas fibras do papel. O grafite, por sua vez, é um material sólido que marca o papel por meio de pequenas partículas que se desprendem da ponta e grudam superficialmente na folha graças ao atrito entre lápis e papel. Como a atração entre as moléculas do grafite e da borracha é maior, as partículas do lápis desgrudam do papel e aderem à borracha facilmente. Para aumentar a eficiência, as borrachas escolares contêm abrasivos, como pó de quartzo ou talco de hidróxido de silicato de magnésio na composição. Essas substâncias fazem a borracha funcionar como uma delicada lixa, desgastando de leve o papel para apagar marcas mais fundas de grafite.

Consultoria Cláudio Furukawa, do Instituto de Física da USP

Continua após a publicidade

Fonte Mercur

– Como são fabricados os pneus?

Publicidade