Assine SUPER por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Por que a Inglaterra não aderiu ao euro?

Por José Eduardo Coutelle
Atualizado em 22 fev 2024, 10h41 - Publicado em 14 out 2013, 18h45

Por razões econômicas e culturais. Apesar de integrar a União Europeia desde 1973 até hoje (24 de junho de 2016), quando decidiu a sua saída através de um referendo, o Reino Unido optou por manter a sua moeda tradicional, a libra esterlina. Segundo o economista britânico Tejvan Pettinger, privilegiou-se a independência financeira do país. O Banco da Inglaterra manteve a autonomia para usar certas estratégias (como intervenções na taxa de juros ou desvalorizações da moeda) para regular a economia. Além disso, o euro não era tão vantajoso, porque o principal parceiro econômico do Reino Unido são os EUA, que usam o dólar. Algumas questões culturais também são importantes. “Os britânicos não viam com bons olhos a perda da soberania ou o fim de um de seus símbolos nacionais, a libra”, afirma Kai Enno Lehmann, professor de relações internacionais da USP.

LEIA MAIS

– Qual é a diferença entre Reino Unido e Grã-Bretanha?

– Por que na Inglaterra se dirige pela esquerda?

Continua após a publicidade
Euro

Fontes Artigo Economics Help:Should UK join the Euro?, de Tjevan Peetinger

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.