Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Por que os velhos carecas não têm rugas na cabeça?

Por Yuri Vasconcelos
Atualizado em 22 fev 2024, 11h29 - Publicado em 18 abr 2011, 18h24
53073121

Por que os velhos carecas não têm rugas na cabeça?

Jonas Michelon,

Ijuí, RS

Por causa da menor flacidez e da falta de contração da musculatura do couro cabeludo. “Com a calvície, ocorrem atrofia e retração do tecido cutâneo do couro cabeludo, que vai ficando mais fino, com menos elasticidade, mais duro e esticado pela proximidade com o osso do crânio. Isso impede o surgimento de rugas”, diz o dermatologista João Carlos Pereira, de São José do Rio Preto (SP). A retração e afinamento do couro cabeludo ocorrem por causa da atrofia dos folículos pilosos, que leva à perda de cabelos. Além disso, a musculatura da cabeça não se contrai para formar rugas – mesmo quando alguém franze a testa, não exercita os músculos lá de cima do cocuruto. “A única ruga que pode atingir o couro cabeludo, mas apenas parte dele, é quando o indivíduo dorme muito de um lado e dobra a pele de encontro ao travesseiro”, diz o dermatologista Marcus Maia, de São Paulo. Já no rosto, é outra história. As rugas da face são, na maioria das vezes, ocasionadas pelo envelhecimento natural da pele e a conseqüente redução de fibras elásticas e de colágeno (proteína que confere força e flexibilidade à pele), pela lesão das fibras superficiais da pele causada pela radiação solar e pela nicotina, que também reduz a quantidade de colágeno da pele. “Quanto mais desses fatores um indivíduo tiver, maiores serão as suas rugas faciais”, afirma Marcus.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.