Assine SUPER por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Quais são os critérios de desempate mais bizarros usados no futebol?

Os critérios mais estranhos foram número de escanteios e renda arrecadada pelos times participantes do campeonato. No Brasil, diferentemente dos tradicionais campeonatos europeus, os torneios em pontos corridos, que geralmente garantem menos bizarrices, são recentes. No Brasileirão, o sistema de pontos corridos passou a ser adotado em 2003 e desde então muitos estaduais seguem o […]

Por Rodolfo Rodrigues
Atualizado em 22 fev 2024, 11h35 - Publicado em 1 jul 2009, 14h46

Os critérios mais estranhos foram número de escanteios e renda arrecadada pelos times participantes do campeonato. No Brasil, diferentemente dos tradicionais campeonatos europeus, os torneios em pontos corridos, que geralmente garantem menos bizarrices, são recentes. No Brasileirão, o sistema de pontos corridos passou a ser adotado em 2003 e desde então muitos estaduais seguem o mesmo padrão. Na maioria dos campeonatos atuais, se empatarem em número de pontos, os times têm até seis critérios de desempate. O primeiro deles geralmente é o maior número de vitórias – é a primeira regra no Brasileiro, na maioria dos estaduais e das competições europeias. Entre os mais bizarros, há casos em que os times empatados têm que jogar de novo entre si. Foi o que quase ocorreu este ano no campeonato estadual do Rio entre Cabofriense e Volta Redonda, que terminaram empatados em penúltimo lugar da tabela. No Torneio Rio-São Paulo de 2002, nas semifinais, a torcida comemorava os cartões amarelos dos adversários, que contavam em caso de empate por número de pontos e gols. \m/

A REGRA É CLARA!

Nem sempre – muitos regulamentos de campeonatos escondem bizarrices

Critério: Maior número de escanteios

Em que campeonato foi usado: Torneio Início (começo do século passado)

Continua após a publicidade

Curiosidade: A competição reunia os principais times do estadual num único dia de disputa. Os clubes jogavam partidas de 20 minutos (dois tempos de 10) e o primeiro critério de desempate era o número de escanteios!

Critério: Maior renda

Em que campeonato foi usado: Campeonato Brasileiro de 1974

Curiosidade: Após a primeira fase do Brasileirão 74, dois clubes seguiram adiante no torneio pela maior média de renda na competição: Fluminense e Nacional de Manaus, mesmo com campanhas fracas

Continua após a publicidade

Critério: Menor número de cartões nas semifinais

Em que campeonato foi usado: Torneio Rio-São Paulo de 2002

Critério: Novo jogo entre times empatados

Em que campeonato foi usado: Campeonato estadual do Rio 2009

Continua após a publicidade

Critério: Gols marcados na casa do adversário

Em que campeonato foi usado: Copa do Brasil 2009, Libertadores 2009

Critério: Menor número de amarelos

Em que campeonato foi usado: Brasileiro 2009

Critério: Confronto direto entre os times empatados

Em que campeonato foi usado: Brasileiro 2009

Critério: Maior número de gols a favor

Em que campeonato foi usado: Brasileiro 2009

Critério: Maior saldo de gols

Em que campeonato foi usado: Brasileiro 2009

Critério: Maior número de vitórias

Em que campeonato foi usado: Praticamente todos os atuais (Brasileiro e estaduais)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.