Clique e assine a partir de 8,90/mês

Quais símbolos são considerados “do mal”? O que significam?

Engana-se quem pensa que o pentagrama invertido é o ícone máximo da maldade ou do caos. Existem símbolos ainda mais sinistros...

Por Diego Meneghetti - Atualizado em 4 jul 2018, 20h27 - Publicado em 11 jan 2017, 16h49

Símbolos do mal

 

1) Cruz invertida

Esse símbolo é muito relacionado ao satanismo. Mas a ligação não surgiu diretamente com a Igreja de Satã, e sim de uma maneira bem mais pop, com filmes de terror como O Exorcista e O Bebê de Rosemary, nos quais a cruz invertida é usada como representação do demônio. O sinal, na verdade, tem uma origem cristã. Acredita-se que São Pedro, primeiro papa da Igreja Católica, foi crucificado de cabeça para baixo, pois não se achava digno em morrer da mesma forma que Jesus Cristo. Atualmente, a adoção da cruz invertida por bandas de heavy metal e punk rock está ligada à ideia de antiautoritarismo.

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

+ Dicionário de Simbologia: qual o significado do pentagrama e dos outros símbolos de estrela?

+ Dicionário de Simbologia: O que significam os símbolos com espirais ou padrões complexos?

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

2) Cruz de Leviatã

Esse símbolo demoníaco é composto de duas barras superiores que representam proteção em dobro e equilíbrio entre masculino e feminino. Na parte inferior, traz o sinal do infinito, que também formaria um duplo ouroboro (desenho circular que mostra uma cobra ou dragão mordendo o próprio rabo). Além disso, ainda carrega uma conotação fálica! Apesar de sempre estar relacionada à Igreja de Satã, não há outros registros satânicos na história. Foi usada pelos cavaleiros templários e pelos cátaros, cristãos que viveram entre os séculos 12 e 14 na Europa. Na alquimia, a Cruz de Leviatã simboliza o enxofre.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

3) Sol Negro

Continua após a publicidade

O significado desse símbolo é sinistro. Ele traz a ideia de um mundo que não está dando certo, com forças destrutivas, desastre e morte. Também chamado de Roda do Sol, esse desenho foi encontrado em broches medievais, alguns com a suástica no centro. As linhas internas do Sol Negro variam de cinco a 12. Esse símbolo foi usado pelos nazistas durante a 2ª Guerra Mundial, por exemplo, no Castelo Wewelsburg, mantido como escola da SS – principal organização paramilitar durante o governo de Hitler na Alemanha. Hoje, o Sol Negro é usado por neonazistas que estão proibidos de usar a suástica sob pena de serem presos.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

+ Dicionário de Simbologia: que outras religiões, antes e depois de Cristo, também usaram a cruz como símbolo?

+ Quais são os principais símbolos illuminati?

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

4) Sigilo de Lúcifer

Esse símbolo faz parte de um conjunto de sinais secretos presentes no Grimório da Verdade (“Grimoire Verum”), livro medieval de feitiços e magias que tem origem no século 16. Dizem que essa imagem ajuda a estreitar relações com Lúcifer, o anjo caído, também chamado de Satanás. O significado de cada parte do símbolo se perdeu no tempo, mas o maior consenso é que o “V” pontiagudo representa “chifres”, muitas vezes relacionados a coisas diabólicas…

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Publicidade