Clique e assine a partir de 8,90/mês

Qual foi o primeiro filme sobre Zumbi?

Por Redação Mundo Estranho - Atualizado em 4 jul 2018, 20h27 - Publicado em 18 abr 2011, 18h50

Foi o clássico White Zombie (“Zumbi Branco”), de 1932. Dirigido por Victor Halperin, ele era estrelado pelo mestre do terror Bela Lugosi, que fazia o papel do maléfico Legendre, que, no Haiti, transformava pessoas saudáveis em trabalhadores zumbis com a ajuda de uma poção misteriosa. A atuação assustadora de Lugosi convenceu e os mortos-vivos horrendos voltaram a aterrorizar o público na seqüência Revolt of the Zombies (“Revolta dos Zumbis”), de 1936. Nas décadas seguintes, as poções mágicas, que tinham o poder de transformar pessoas em zumbis, continuaram fazendo sucesso no cinema até que, em 1968, o diretor americano George Romero criou um novo conceito para os mortos-vivos. Ele deixou de lado o Haiti como cenário e as poções mágicas para apresentar ao público o cadáver putrefato, que se arrasta de maneira desengonçada, emite grunhidos e se alimenta de cérebros humanos. Essas “belezinhas” são as estrelas de Noite dos Mortos-Vivos, o pai dos filmes modernos sobre zumbis. O curioso é que em nenhum momento no longa de Romero os personagens chamam os mortos que voltam à vida, de zumbis. Esse detalhe só reforça a idéia apavorante de que eles não têm idéia do que está acontecendo! Produzido com um orçamento de pouco mais de 100 mil dólares, Noite dos Mortos-Vivos teve duas seqüências e uma delas, Zombie, Despertar dos Mortos (1978), acaba de ser refilmada com o nome de Madrugada dos Mortos (2004). Essa novíssima produção só serviu para confirmar que os mortos-vivos são mesmo pra lá de poderosos. Afinal, no fim de semana em que o filme estreou, nos Estados Unidos, ele assumiu o primeiro lugar no ranking das bilheterias, desbancando o badalado A Paixão de Cristo, de Mel Gibson. No fim de semana dos dias 20 e 21 de março, foram 27,3 milhões de dólares em ingressos para os zumbis contra 19,2 milhões para Jesus. É, às vezes o “mau” se dá bem…

Loucos por cérebro Filmografia básica dos mortos-vivos modernos inclui obra do diretor de O Senhor dos Anéis

Noite dos Mortos-Vivos (Night of the Living Dead)

Ano: 1968

Direção: George Romero

Neste clássico sobre “mortos-vivos modernos”, um grupo de pessoas enfrenta zumbis comedores de cérebro. O filme teve as seqüências Zombie, Despertar dos Mortos (1978) e Dia dos Mortos (1986), e as refilmagens A Noite dos Mortos-Vivos (1990) e Madrugada dos Mortos (2004)

O Retorno dos Mortos-Vivos (El Ataque de los Muertos sin Ojos)

Continua após a publicidade

Ano: 1973

Direção: Amando de Ossorio

Na cultuada série de filmes de zumbis do diretor espanhol Ossorio, templários – cavaleiros de uma ordem religiosa criada no século 12 – que praticavam magia negra são excomungados, mortos e têm os olhos arrancados. Quando voltam das trevas, sem olhos, estão furiosos!

Zumbi 2: A Volta dos Mortos (Zombie)

Ano: 1979

Direção: Lucio Fulci

Continua após a publicidade

Ex-aluno de medicina, o italiano Lucio Fulci se especializou em criar seqüências sangrentas. Aqui, zumbis atacam numa ilha tropical e o sangue jorra das jugulares e olhos são arrancados! Fulci foi excomungado pelo Vaticano por causa de uma outra produção em que o protagonista é um padre assassino…

A Hora dos Mortos-Vivos (Re-Animator)

Ano: 1985

Direção: Stuart Gordon

Um cientista maluco cria um soro capaz de reanimar tecidos mortos e começa a experimentar a substância. Um casal de estudantes se envolve na trama macabra. O diretor Brian Yuzna dirigiu as seqüências A Noiva do Re-Animator (1990) e Beyond Re-Animator (2003)

Demons – Filhos das Trevas (Demons)

Continua após a publicidade

Ano: 1985

Direção: Lamberto Bava

Numa velha sala de cinema, os convidados que assistem à exibição de um filme de terror são atacados e transformados em zumbis sedentos de sangue e carne humana. E é exatamente isso que ocorre também no filme que está sendo projetado… O diretor Lamberto é filho do mestre do horror italiano Mario Bava

A Volta dos Mortos-Vivos (The Return of the Living Dead)

Ano: 1986

Direção: Dan O’Bannon

Continua após a publicidade

O vazamento de um produto misterioso faz os mortos se levantarem das sepulturas. Funcionários de um necrotério e delinqüentes juvenis assistem ao bizarro espetáculo. O filme teve duas seqüências: A Volta dos Mortos-Vivos 2 (1988) e A Volta dos Mortos-Vivos 3 (1993)

Fome Animal (Braindead)

Ano: 1992

Direção: Peter Jackson

Antes de O Senhor dos Anéis, o diretor Peter Jackson já fazia filmes bacanas. Este clássico sanguinolento e bem-humorado tem até um padre estilo kung fu… A mãe controladora de Lionel, um jovem tímido, vira uma zumbi quando é mordida por um macaco-rato (?!). A rabugenta infecta um monte de gente, que Lionel precisa combater

Extermínio (28 Days LATER)

Continua após a publicidade

Ano: 2002

Direção: Danny Boyle

Danny Boyle estourou com Trainspotting: Sem Limites (1996) e se afundou com A Praia (2000). Mas o diretor retornou do mundo dos mortos com esse filme gravado em vídeo digital. Um vírus ultracontagioso transforma a maioria da população de Londres em zumbis enfurecidos. Restam poucas pessoas que lutam para sobreviver

Publicidade