Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Que tipos de pena de morte ainda são praticados no mundo?

Por Nathália Braga
Atualizado em 22 fev 2024, 10h39 - Publicado em 18 ago 2014, 18h36
pena-de-morte

Pergunta do leitor – Adriano Cesar Vaz Filho,

Guarulhos, SP

Decapitação, enforcamento, injeção letal, apedrejamento, fuzilamento e cadeira elétrica ainda são métodos de execução em 58 países. Enquanto em lugares como EUA uma pessoa pode ser condenada à morte por homicídio qualificado e atos de terrorismo, em outros não é preciso muito para receber a sentença. No Irã, por exemplo, adultério e homossexualidade são condenáveis a morte. Na China, crimes de fraude fiscal, desvio de verba e tráfico de drogas com armas também. Esses e outros crimes levaram 682 pessoas a serem executadas em 2012, de acordo com o relatório mais recente da Anistia Internacional – organização que luta pelos direitos humanos e contra a pena de morte. O número não conta os óbitos na China (3 mil condenados, em estimativas não oficiais).

Estados letais

Países que mais executam por ano*

CHINA – 3 mil**

Continua após a publicidade

IRÃ – 369

IRAQUE – 169

ARÁBIA SAUDITA – 79

EUA – 39

SOMÁLIA – 34

Continua após a publicidade

*Anistia Internacional (2013)

**The Dui Hua Foundation (2012)

Faces da morte

Desde a criação da ONU, em 1945, 132 países aboliram a pena capital

DECAPITAÇÃO

PAÍSES – Arábia Saudita e Irã

Continua após a publicidade

CRIMES PUNÍVEIS – Homicídio qualificado, estupro, falsa profecia, feitiçaria, assalto a mão armada, homossexualidade e adultério

Na Arábia Saudita, é a forma de execução mais usada. No Irã, não rola desde 2001. Geralmente, é feita com uma espada. Entre 2007 e 2010, 345 condenados tiveram a cabeça cortada em praça pública. Em um caso específico, a cabeça foi costurada de volta ao corpo, que depois foi pendurado num poste

APEDREJAMENTO

PAÍSES – Irã, Somália e Paquistão

CRIME PUNÍVEl – Adultério

Continua após a publicidade

Na lei islâmica, quem trai o marido ou a mulher deve ser morto assim. As vítimas são colocadas em um buraco e enterradas – mulheres até o pescoço e homens até o quadril. Os réus confessos podem anular a pena caso consigam escapar – o que deixa as mulheres em desvantagem. Quem atira a primeira pedra é a testemunha ou o juiz, caso o crime tenha sido confessado

INJEÇÃO LETAL

PAÍSES – China, Guatemala, Tailândia, Taiwan, EUA e Vietnã

CRIMES PUNÍVEIS – Homicídio qualificado, terrorismo, estupro e traição ao país em caso de guerra

É a execução mais comum nos 32 estados com pena de morte nos EUA. A maioria das injeções é com pentobarbital, importado. Fabricantes europeus, porém, estariam se recusando a vender a substância para execuções. Em Ohio, em 2013, uma fórmula experimental teria deixado um homem agonizando por 25 minutos antes de morrer

Continua após a publicidade

FUZILAMENTO

PAÍSES – Bielorrússia, China, Coreia do Norte, Somália, Taiwan, Vietnã, Emirados Árabes Unidos e Iêmen

CRIMES PUNÍVEIS – Homicídio qualificado, traição ao país em caso de guerra, terrorismo causando morte, adultério, estupro, homossexualidade e ofensas militares

Na Bielorrússia, um tiro é dado na parte de trás da cabeça do prisioneiro, ajoelhado. No Vietnã, o condenado é amarrado a um poste e um pelotão com cinco atiradores o executa – um policial ainda faz um último disparo na orelha

ENFORCAMENTO

PAÍSES – Afeganistão, Bangladesh, Botsuana, Índia, Irã, Iraque, Japão, Paquistão e Sudão

CRIMES PUNÍVEIS – Homicídio qualificado, terrorismo, adultério e sequestro

No Afeganistão, em novembro de 2012, 14 prisioneiros foram enforcados. É um dos métodos mais populares, junto ao apedrejamento. Na Índia, é a forma oficial de aplicar as sentenças de pena de morte. Menores de 18 anos na época do crime e mulheres grávidas devem ser perdoados

CADEIRA ELÉTRICA

PAÍSES – EUA (alguns estados)

CRIMES PUNÍVEIS – Homicídio qualificado, terrorismo causando morte, espionagem, genocídio e tentativa de homicídio de jurado ou de testemunha de casos criminais

Desde janeiro de 2001, somente dez das 683 execuções dos EUA rolaram assim. O método não é mais tão usado no país, já que a injeção letal é considerada uma forma mais “humana” de aplicar a pena de morte. O choque foi usado pela última vez em janeiro de 2013

Em 2013, o governo do Afeganistão tentou, em vão, aprovar o apedrejamento como pena. Mesmo assim, há muitos casos ilegais desse tipo de execução no país

Em Taiwan, a morte vem com um tiro à queima-roupa por trás, no coração ou na cabeça – caso o preso queira doar os órgãos

LEIA MAIS

– Quais são as penas de morte mais estranhas?

– Como as grandes religiões encaram o momento da morte?

Fontes Relatório Penas de Morte e Execuções (2012) da Anistia Internacional e The Dui Hua Foundation

Consultoria Chiara Sangiorgio, especialista em penas de morte da Anistia Internacional

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.