Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Alemanha cria aplicativo para orientar refugiados

App traz informações em cinco idiomas, e funciona mesmo sem conexão à internet

Por Bruno Garattoni Atualizado em 4 nov 2016, 19h08 - Publicado em 18 jan 2016, 16h30

No ano passado, a Alemanha recebeu mais de 1 milhão de pedidos de asilo – de refugiados vindos principalmente da Síria e do Afeganistão. O país, que é o principal destino da crise migratória na Europa, barrou a entrada de 58% dessas pessoas. Mas, agora, pretende fazer algo para ajudar os 42% que foram aceitos. O governo criou um app para os refugiados, que é compatível com smartphones Android e iOS e funciona mesmo sem conexao à internet. Os smartphones têm sido uma ferramenta essencial para os refugiados, que os utilizam para acessar mapas, se comunicar com parentes e ter acesso a notícias de seus países de origem. 


O aplicativo, que se chama Ankommen (chegar, em alemão) e pode ser lido em inglês, francês, árabe e farsi -idioma falado no Afeganistão e no Irã-, contém um guia básico de alemão, informações sobre o processo de obtenção de asilo, links para agências de empregos e cursos de orientação vocacional, bem como dicas de usos e costumes – escritas por outros refugiados. Ele foi lançado há menos de uma semana, e já foi baixado por 10 mil a 50 mil refugiados usuários de Android (o Google não fornece números mais específicos). 

LEIA TAMBÉM: 
Como funciona um campo de refugiados
Entenda a diferença entre migrante e refugiado
5 histórias incríveis de apoio a refugiados

 

Continua após a publicidade
Publicidade