Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Quem é Volodymyr Zelensky, o comediante que virou presidente da Ucrânia

Zelensky interpretou o papel de presidente ucraniano na série de comédia "Servo do Povo" – o mesmo nome do partido fundado por ele em 2018

Por Luisa Costa 26 fev 2022, 12h02

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, iniciou uma operação militar contra a Ucrânia nesta quinta-feira (24) e, desde então, o país vem tentando se defender da invasão em três grandes frentes: ao norte, ao sul e ao leste.

O pânico tomou conta da Ucrânia: habitantes da capital Kiev e de Kharkiv se refugiam em estações de metrô e bunkers por medo de ataques aéreos ou causam congestionamentos para fugir das cidades. Até agora, pelo menos 137 ucranianos foram mortos e 300 feridos, segundo o presidente ucraniano Volodymyr Zelensky.

Horas antes do ataque, quando a tensão do conflito iminente aumentava, Zelensky apareceu na televisão ucraniana, se dirigiu aos cidadãos russos e afirmou: “O povo ucraniano quer paz”. Agora, ele se tornou um líder de guerra enfrentando a maior crise da história moderna de seu país. (Entenda as raízes do conflito nesta matéria da Super.)

Os holofotes mundiais estão em Zelensky, que está sob grande pressão e deve sentir saudade de sua carreira anterior: a de comediante. Natural de Kryvyi Rih (cidade no sudeste da Ucrânia), ele se formou em Direito, mas não exerceu a profissão e entrou na indústria do entretenimento.

Ele era ator e comediante, mas também um executivo. Fundou a Kvartal 95 Studio em 2003, empresa de audiovisual que produz programas populares para a televisão – como Servo do Povo, uma série de comédia criada e estrelada por Zelensky.

Em Servo do Povo, ele interpreta um professor ucraniano que fica famoso após criticar a corrupção do governo do país em um vídeo e, depois, se torna presidente da Ucrânia inesperadamente.

Continua após a publicidade

De maneira semelhante, Zelensky apoiou-se no discurso de anticorrupção e renovação política em sua campanha à presidência da Ucrânia. Esta foi feita majoritariamente de maneira digital: em vez de comícios, ele realizou postagens nas redes sociais e apareceu na televisão.

O sucesso de Zelensky é atribuído, justamente, ao desencanto e à rejeição da população ucraniana às elites e aos políticos tradicionais em meio a escândalos de corrupção e crises econômicas. 

No primeiro turno das eleições presidenciais ucranianas, em 2019, Zelensky foi o candidato mais votado, com 30% dos votos, contra 16% de Petro Poroshenko – o presidente em exercício na época. No segundo turno, venceu com 73% dos votos, com apoio mais forte vindo do sul e leste da Ucrânia.

O presidente não tinha experiência anterior na política e, no partido Servo do Povo (sim, o mesmo nome da série de comédia), fundado em 2018, ele se cercou de alguns conselheiros retirados da Kvartal 95 – também com pouca experiência.

Compartilhe essa matéria via:

Apesar disso, especialistas afirmam que Zelensky está agindo como um presidente deve agir no regime de guerra. A Ucrânia cortou relações diplomáticas com a Rússia, os militares assumiram o controle temporariamente, e Zelensky disse que armas seriam distribuídas aos ucranianos que desejassem.

O presidente de 44 anos, casado e com dois filhos, afirmou em discurso televisionado que Vladimir Putin “quer destruir” a Ucrânia e começou uma guerra “contra todo o mundo democrático”. “Mas conhecemos a força do povo ucraniano”, finalizou. 

Antes de se tornar protagonista do conflito geopolítico, Zelensky ganhou as manchetes dos jornais ao redor do mundo em 2019. Na época, foi noticiado que o então presidente dos Estados Unidos havia pressionado Zelensky para investigar as atividades de Joe Biden e seu filho, Hunter, na Ucrânia – o que levou ao primeiro pedido de impeachment de Trump.

Continua após a publicidade

Publicidade
Sociedade
Quem é Volodymyr Zelensky, o comediante que virou presidente da Ucrânia
Zelensky interpretou o papel de presidente ucraniano na série de comédia "Servo do Povo" – o mesmo nome do partido fundado por ele em 2018

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da Super. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

Publicidade