GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

3D: Nova dimensão na tela de TV

Físico argentino José Joaquín Lunazzi, da Unicamp, desenvolve uma tela especial com 1500 linhas por milímetro e microestruturas que fundem as imagens, projetando o efeito tridimensional.

A televisão com imagens tridimensionais ou holográficas já existe – no laboratório do físico argentino José Joaquín Lunazzi, da Universidade de Campinas. Segundo o pesquisador, que trabalha há 20 anos no campo da holografia, o segredo está na tela especial que ele criou com 15OO linhas por milímetro e microestruturas que fundem as imagens projetadas. É o que chama de “estéreo visual”, pois a cena é captada por duas câmeras de vídeo dispostas lado a lado, como os olhos humanos, e projetada separadamente sobre a tela, através de lentes.

O equipamento dispensa tanto o uso de óculos para ver a terceira dimensão quanto o raio laser geralmente necessário aos hologramas. O desafio de Lunazzi, agora, é resolver os problemas de brilho da imagem que ainda restringe a projeção a ambientes escuros, e de ângulo de visão, que obriga o espectador a ficar em determinada posição para não perder a noção de profundidade. “A solução ainda vai demorar”, avisa Lunazzi.