GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

A próxima TV digital

Telas a laser, com 4 vezes mais resolução e acesso à Internet; em breve na sua sala (ou do seu vizinho rico)

Texto Bruno Garattoni

Guerra nas Estrelas

Esqueça as televisões de plasma e LCD. Nesta aqui, de 65 polegadas, a imagem é formada por raios laser projetados na tela. Graças a isso, ela é capaz de reproduzir 90% de todas as cores que o olho humano consegue ver (contra 40% das TVs comuns). A televisão a laser não faz mal aos olhos e gasta pouca eletricidade – 70% menos que as telas convencionais.

Mitsubishi LaserVue, nos EUA: R$ 16 mil laservuetv.com

Quatro vezes HD

Uma tela de alta definição é formada por 900 mil pontinhos luminosos. Numa Full HD, são 2 milhões. Só que esta TV de 56 polegadas, a primeira do tipo Quad HD, tem inacreditáveis 8 milhões de pontos – e exibe as imagens em 3 dimensões.

Philips QuadFull 3D, nos EUA: R$ 57 mil (preço estimado), www.philips.com

Azul profundo

Você vive perdendo seus programas preferidos? Esta TV de 46 polegadas é a primeira que grava vídeo em alta definição – em discos do padrão Blu-ray. Ela tem um sistema exclusivo, que guarda até 21 horas de vídeo em cada disco (5 vezes mais que o normal). E também roda filmes em Blu-ray.

Sharp Aquos DX, no Japão: R$ 10 700, www.sharp.co.jp

Viciada em YouTube

As pessoas estão assistindo cada vez menos TV e ficando cada vez mais tempo na internet. Os fabricantes de televisões sabem disso, e resolveram contra-atacar com uma TV que acessa o YouTube. Basta conectá-la à internet, usando um cabo de rede comum, para navegar por milhões de vídeos na tela de 46 polegadas. Também dá para acessar álbuns de fotos online (que estejam guardados no serviço Picasa Web).

Panasonic 46PZ850U, nos EUA: R$ 5 700,

www.panasonic.com

Bacanas do mês

Abra a boca – e os olhos também

O que é: Uma escova de dentes computadorizada.

Qual é o barato: Vem com este monitor LCD, que fica preso ao espelho do banheiro e se comunica com sensores embutidos na escova para avisar se você está escovando os dentes corretamente: rápido ou devagar demais, fazendo pouca ou muita força, pulando áreas importantes da boca etc.

Oral-B Triumph 9900, nos EUA: R$ 275, www.oralb.com

Agora você pode ter um

O que é: Oculos para enxergar no escuro.

Qual é o barato: Tem sensores infravermelhos que captam o calor emitido por coisas e pessoas – permitindo ver, na escuridão total, tudo o que está a até 15 metros de distância. É o mesmo tipo de óculos usados pelos militares em missões noturnas. Mas em versão caseira, que custa 10 vezes menos. Perfeito para espionar os seus parentes e vizinhos.

Jakks NightVision, nos EUA: R$ 160, eyeclops.com

Nintendinho conectado

O que é: A nova versão do console portátil da Nintendo.

Qual é o barato: O videogame mais vendido do mundo ficou 12% mais fino, e suas telinhas cresceram 10%. Mas o mais legal não é isso. É o novo sistema DSiWare, que permite baixar jogos e programas via internet. Para completar, o console ganhou duas câmeras embutidas: uma para tirar fotos e a outra para captar a imagem do jogador.

Nintendo DSi, no Japão: R$ 450, www.nintendo.co.jp

I’m feeling lucky

O que é: Um GPS que acessa o Google.

Qual é o barato: Ele se conecta automaticamente à internet, pois tem embutida uma anteninha de telefone celular. Aí, baixa as informações do serviço Google Local Search (que localiza bares, restaurantes, lojas e serviços em geral) e joga no mapa, exibindo as melhores opções onde você está. Tudo atualizado diariamente pelo Google.

Insignia NS-CNV20, nos EUA: R$ 1 140, www.bestbuy.com

Nem parece um telefone

O que é: Um celular que tira fotos de 8,1 megapixels.

Qual é o barato: Quando está fechado, ele mais parece uma câmera de bolso (com direito a estabilizador de imagem para evitar fotos borradas). Mas abra o aparelho, que pesa 124 gramas, e ele se transforma num celular bacana: com uma supertela de 3,1 polegadas e 384 mil pontos de resolução (o dobro do iPhone).

Exilim W63CA, no Japão: preço não disponível, www.casio.jp