GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Asteróide é pai dos meteoritos

Um único asteróide pode ter sido a fonte de todos os meteoritos de basalto que atingem a Terra. A suspeita é do astrônomo Peter Thomas, da Universidade Cornell. Ele observou pelo telescópio espacial Hubble uma imensa cratera em Vesta, o mais brilhante asteróide. Ele fica no cinturão entre Marte e Júpiter, a cerca de 300 milhões de quilômetros da órbita terrestre. O pedregulho de basalto tem formato irregular e 530 quilômetros de diâmetro. O buraco na sua superfície mede 460 quilômetros de diâmetro e 13 quilômetros de profundidade. Segundo Thomas, esse é um forte indício de que, há milhões de anos, uma enorme colisão com outro asteróide teria arrancado 1% do material de Vesta. Os fragmentos da pancada estariam despencando sobre nós até hoje.