Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Carros da Tesla podiam ser hackeados por drone

Método consistia em usar Wi-Fi para assumir o controle de alguns recursos do carro

Por Bruno Garattoni 17 jun 2021, 09h23

Dois pesquisadores da empresa alemã Comsecuris descobriram como usar uma antena ou um drone equipado com transmissor Wi-Fi para invadir a rede interna dos Tesla e assumir o controle da touchscreen do carro – podendo fazer coisas como abrir portas, mudar as regulagens dos bancos, ligar e desligar o rádio e o ar-condicionado e modificar ajustes de direção e aceleração (mas não interferir diretamente com o volante e os pedais).

A falha, que afetava os modelos Model S, 3, X e Y, e podia ser explorada a até 100 metros de distância, foi informada à Tesla, que já enviou uma atualização via internet para o software dos carros.

Publicidade