Clique e assine a partir de 8,90/mês

Circuitos minúsculos

O pesquisador holandês Frits van Hout consegue miniaturizar ainda mais os microprocessadores.

Por Da Redação - Atualizado em 31 out 2016, 18h50 - Publicado em 29 fev 1992, 22h00

Quando se pensava que a miniaturização de componentes eletrônicos já tinha chegado ao limite, um pesquisador holandês construiu circuitos em chips três vezes menores do que os habituais. Frits van Hout, da empresa ASM, não inventou nenhuma nova técnica para encolher os microprocessadores, mas refinou o processo já existente. A barreira tecnológica, acreditava-se, era a impossibilidade de usar a luz ultravioleta para fazer circuitos menores. O comprimento de onda dessa luz, empregada para gravar o circuito sobre as bolachas de silício, era às vezes igual ao tamanho da máscara usada como molde do desenho, o que provocava distorções. A solução seria usar raios X, que têm comprimento de onda bem menor, mas isso exigiria novas e caríssimas técnicas. Van Hout, porém, simplesmente aperfeiçoou a técnica do emprego de luz ultravioleta para construir seus chips diminutos.

Publicidade