GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Decifrando a caligrafia

Cientistas da IBM americana afirmam ter obtido um programa que armazena diversos tipos de letra corrida escritos de maneira regular.

Até há pouco, os programas de computadores eram incapazes de reconhecer qualquer escrita que não fosse impressa em letras de fôrma como a das máquinas de escrever. O máximo que podiam fazer era aceitar caracteres grafados à mão, desde que fossem separados ou confinados em quadradinhos, como por exemplo, no espaço reservado aocódigo postal nos envelopes do correio ou nas declarações do imposto de renda.

Agora, cientistas do Centro de Pesquisas T.J. Watson da IBM americana afirmam ter obtido um programa que armazena diversos tipos de letra corrida escritas de maneira regular. Já é um progresso, mas os computadores ainda têm muito que aprender. Afinal, está distante o dia em que eles poderão trabalhar com pelo menos a maioria dos incontáveis estilos de caligrafia da humanidade alfabetizada.