Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Diabetes high tech

Os gadgets ultramodernos que estão revolucionando o tratamento da doença

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 18h54 - Publicado em 15 jan 2011, 22h00

Tamara Percinoto

Ter diabetes não é bom. Mas os gadgets criados para facilitar a vida dos diabéticos chegam a dar água na boca de quem gosta de tecnologia. Como o medidor Scout DS, por exemplo, que só usa luz: ele tem lâmpadas especiais que varrem a pele do paciente em busca dos chamados subprodutos da glicação (moléculas cuja presença pode indicar diabetes). Já o “iPhone dos diabéticos” não tem tela touchscreen, GPS nem navegador. Em compensação, ele mede a glicose no sangue do diabético – e até produz gráficos mostrando a variação desse nível. E dá para ir além: já existe um aparelho capaz de medir automaticamente a glicemia do paciente – que não precisa nem furar o dedo.

Não dói nada
Um terço dos diabéticos não sabe que tem a doença. Mas este aparelho revoluciona o diagnóstico: lê a pele da sua mão e, em um minuto, diz se você tem diabetes.

Scout Ds – http://www.veralight.com

Tá na hora
Chega de carregar um medidor de glicemia para todo lado: agora essa função faz parte do celular. Basta furar o dedo com uma agulha especial e encaixá-la no telefone. O aparelho diz como está o sangue, manda os resultados (via internet) para o médico e avisa quando você precisa de insulina.

Continua após a publicidade

Glucophone – http://www.glucophone.com

Espertinha
Injetar insulina não precisa ser um momento assustador. É só encostar esta caneta no braço e apertar um botão: ela dá uma picadinha quase indolor. E é inteligente: grava na memória os horários e as doses das últimas 16 aplicações.

Humapen Memoir – http://www.humalog.com

Em tempo real
Graças a um sensor que tem o tamanho de uma moeda e vai implantado sob a pele do paciente, este aparelho sem fios monitora automaticamente o nível de glicose – 24 horas por dia.

Guardian – http://www.minimed.com

Continua após a publicidade

Publicidade