GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Envolvente e sedutora

O sistema foi batizado de Arpanet e, em 1969, já estava online. Assim nascia o embrião do que hoje chamamos internet.

Nos anos 60, no auge da Guerra Fria, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos desenvolveu um sistema de comunicação que funcionaria mesmo se partes da sua estrutura fossem destruídas numa guerra nuclear. O segredo era uma rede de computadores acessível de qualquer lugar do mundo e com múltiplas rotas de transmissão de dados. O sistema foi batizado de Arpanet e, em 1969, já estava online. Assim nascia o embrião do que hoje chamamos internet. Em meados dos anos 90, a rede mundial dispunha de sete milhões de páginas e contava com 50 milhões de usuários. Hoje, há no mundo mais de 600 milhões de internautas e, em 2005, deve-se chegar a um bilhão. A internet acabou com barreiras físicas e com fronteiras geográficas, levando para as pessoas o bem mais precioso deste século: a informação. Gerou milhares de novas oportunidades de negócio e criou um comércio eletrônico que cresce vertiginosamente. Um dos motivos da sua rápida difusão é a facilidade com que pode ser acessada. Hoje, é possível entrar na rede via TV, telefone celular, som do carro e até mesmo um forno de microondas.

• A maior rede de TV do mundo é a CNN, que pode ser vista em 212 países e territórios graças a uma rede de 23 satélites. Cerca de 150 milhões de lares recebem o seu sinal em 40 línguas diferentes.