GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Ferro passa o carvão a limpo

O Centro de Desenvolvimento de Pesquisas da GE americana criou uma usina que remove mais de 99% do gás sulfídrico liberado na queima do carvão.

Usinas que geram eletricidade a partir da queima de carvão dão arrepios nos ambientalistas. Embora seja o combustível mais abundante em países como os Estados Unidos, o carvão libera dióxido de enxofre e gás sulfídrico, relacionados com a chuva ácida no Hemisfério Norte. Por isso, o Centro de Desenvolvimento e Pesquisa da GE americana criou uma usina que remove mais de 99% do gás sulfídrico liberado na queima do carvão. Os técnicos descobriram que certas bolinhas de minério de ferro – contendo as substâncias ferreto de zinco ou titanato de zinco – conseguem limpar o gás gerado pela queima de carvão. As bolinhas absorvem os poluentes à base de enxofre contidos no gás – que assim pode movimentar as turbinas a cerca de 540º C e gerar eletricidade sem problemas colaterais. A idéia é fazer com que a usina funcione com gás natural – mas também com carvão, quando seu preço for menor que o do gás.