Clique e assine com até 75% de desconto

Marcas que matam

A ONG Enough Project avaliou a efetividade da ação de algumas empresas para eliminar os minerais de conflito de seus produtos.

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 18h33 - Publicado em 19 nov 2012, 22h00

Luiz Romero

Muitos minerais que fazem os seus eletrônicos são extraídos entre armas e mortes. No Congo, grupos militares e paramilitares dominam a extração dessas matérias-primas. A ONG Enough Project avaliou a efetividade da ação de algumas empresas para eliminar os minerais de conflito de seus produtos.

Porcentagem de progresso para acabar com os minerais de conflito

60% – Intel

40% – Dell

38% – Apple

Continua após a publicidade

38% – Microsoft

38% – Microsoft

27% – Sony

21% – Toshiba

8% – Canon

8% – Nikon

0% – Nintendo

Continua após a publicidade
Publicidade