GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

No espaço, em um estágio: o ecológico sideral

Ônibus espacial desenvolvido pela McDonnell Douglas não terá propulsores e tanques de combustíveis abandonados no espaço.

Um novo tipo de ônibus espacial, de características revolucionárias está em fase final de testes no Estados Unidos. É o Delta Clipper Experimental (DCX), desenvolvido pela empresa americana McDonnell Douglas Aerospace. A principal novidade é que se trata de uma nave de estágio único, ou seja, não deixa propulsores nem tanques de gasolina pela caminho, conforme ganha altitude atravessando a atmosfera, como é o caso dos ônibus como o Endeavour. Por isso, é considerada a primeira nave espacial totalmente reutilizável.
Construído com materiais super leves não metálicos, o DC-X mede apenas 10 metros e pode levar mais de 9 toneladas de carga útil para o espaço. A decolagem e o pouso na posição vertical e a possibilidade de manobrar em velocidade subsônica são outras características inéditas do ônibus, que custa quatro vezes menos que seus correspondentes atuais.