GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

O touchscreen “econômico” que pode acabar com as recargas diárias de celular

O novo material oferece cores vivas e grande visibilidade na luz solar

Se você precisa recarregar o seu celular todas as noites, saiba que isso acontece porque boa parte da energia do seu smartphone vai para a tela de LCD, touchscreen e luz de fundo. Esse problema poderia ser resolvido com um material que requer pouca energia para se iluminar, e, felizmente, ele já existe.

O GST, composto por germânio, antimônio e telúrio, é o material utilizado para produzir uma nova tela touchscreen, desenvolvida pela companhia Bodie Technologies, criada por alunos da Universidade de Oxford. O display é formado por montes microscópicos de GST e camadas de eletrodos. O diferencial é que a tela ultrafina pode reproduzir cores vivas em alta resolução com pouquíssima energia. “Isso faz com que ela seja potencialmente útil para óculos inteligentes, telas dobráveis, pára-brisa e até retinas sintéticas, que imitam a habilidade das células fotorreceptoras do olho humano”, disse a equipe. O material também pode criar “vidros inteligentes”, já que consegue bloquear ondas infravermelhas para manter prédios e casas resfriados sem ar condicionado.

A Bodie Technologies já está conversando com as grandes empresas de produtos eletrônicos para verificar se o material pode substituir o touchscreen de LCD nos próximos anos. “Nós podemos criar um mercado completamente novo (…). Se você tiver um dispositivo que não precise de tanta energia, precisará carregá-lo apenas uma vez na semana”, completa Peiman Hosseini, um dos pesquisadores.