GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Ponte esculpida pelo vento

Em meio aos penhascos e cânions que caracterizam os 593 quilômetros quadrados do parque, o arco é acessível por uma trilha que não oferece grandes dificuldades.

Ela não é a mais bonita. Não é a mais conhecida. Mas é a mais longa. A maior ponte natural do planeta é o Arco Kolob, um quase anônimo arco de arenito cuja amplitude se estende por 94,5 metros, estabelecendo uma passagem suspensa entre duas rochas. Essa obra da natureza, fruto de anos e anos de erosão, principalmente pela ação dos ventos, é a grande atração do Zion National Park, uma unidade de conservação situada no Estado de Utah, no oeste central dos Estados Unidos. Em meio aos penhascos e cânions que caracterizam os 593 quilômetros quadrados do parque, o arco é acessível por uma trilha que não oferece grandes dificuldades. Além de enorme, o Kolob tem outra característica que costuma chamar a atenção e, às vezes, desapontar alguns visitantes: seu vão é difícil de ser visto. Isso porque o arco brota de uma parede de pedras que bloqueia quase toda a vista do vão. Para conseguir dar uma boa olhada no Kolob, o turista tem que chegar bem perto do arco e apreciá-lo de baixo para cima. Estando em Utah, aproveite para dar uma passada no Parque dos Arcos Nacionais, próximo ao Zion, onde há mais de 2 000 arcos de arenito. Entre eles, o Landscape Arch, belíssimo e maior rival do Kolob, com 89 metros de extensão.