Clique e assine a partir de 8,90/mês

Tecido para um passeio ao inferno

Por Da Redação - Atualizado em 31 out 2016, 18h46 - Publicado em 30 jul 2009, 22h00

O mundo inteiro assistiu pela televisão, no final de julho: o carro do holandês Jos Verstappen, de Fórmula 1, parado no box, é engolido por uma bola de fogo, envolvendo o piloto e cinco mecânicos nas labaredas (foto menor). Por cerca de 12 segundos, o box da Benetton no circuito de Hockenheim, na Alemanha, transforma-se num inferno. Quando as chamas são apagadas, uma surpresa: ninguém está sequer chamuscado.

O segredo da imunidade às chamas aparece na foto maior: o uniforme que a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) obriga as equipes a usar funciona mesmo. Tanto os macacões quanto as roupas de baixo são feitos com uma fibra poliaramida de alta tecnologia, chamada Nomex. Criado no início da década de 70 pela indústria química americana Du Pont, o material tem uma estrutura especial de moléculas de carbono, que faz com que ela se queime apenas se atingir e mantiver a temperatura de 1 000 graus centígrados por mais de 8 segundos. Além disso, a fibra não libera vapores tóxicos.

Publicidade