Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Como as mulheres que fabricavam cerveja passaram a ser perseguidas por “bruxaria”?

No passado, era comum ter mulheres produzindo e comercializando cerveja em mercados europeus. Alguns homens que não gostavam da ideia pegaram uma carona na inquisição. Entenda.

Por Carolina Fioratti Atualizado em 31 Maio 2021, 21h43 - Publicado em 31 Maio 2021, 21h35

No passado, era comum ter mulheres produzindo e comercializando a cerveja em mercados europeus. Mas o fato delas estarem se dando bem com os negócios e menos envolvidas com o trabalho doméstico levou alguns homens a acusarem as cervejeiras de “bruxaria”.

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da Super! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 12,90/mês