Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Ciência Maluca Por redação Super Este blog não é mais atualizado. Mas fique à vontade para ler o conteúdo.

A vida começa aos quarenta… e seis

Por Nina Weingrill Atualizado em 21 dez 2016, 10h08 - Publicado em 26 jun 2008, 19h57

Se você acredita que a vida começa mesmo aos 40, agora vai ter que esperar mais um pouco para se dar bem. De acordo com uma pesquisa, só no 46° aniversário os britânicos alcançam tudo o que sempre quiseram na vida: casa, família e uma carreira estável.

É nessa fase que as pessoas possuem o maior número de posses, disseram os estudiosos, entre artigos para a casa, carros e jóias. A seguradora responsável pelo estudo avaliou tudo o que uma pessoa possui dentro de casa e descobriu que a riqueza desse grupo fica em torno de £40,919, comparados com os £24,548 que possuem jovens de 20 anos e £26,192 daqueles acima dos 70 anos.

Logo abaixo dos 40, os adultos de 28 são os que se dão melhor. Sem compromissos sérios, como criar filhos, e com uma renda melhor do que os de 20 anos, eles possuem uma média de £33,166 em bens guardados dentro de casa. O estudo também listou duas das coisas que mais encarecem os gastos: morar com um parceiro, que aumenta em 65% o custo de vida, e ter um filho, que automaticamente reduz em £2,000 o valor total de suas posses domésticas.

Os valores refletem um hábito notável entre os seres humanos: consumir. E o montante é alto: cerca de £13,000 a cada 5 anos (ou 10 mil reais por ano) com eletrodomésticos, aparelhos eletrônicos, roupas e o que mais você possa imaginar. Um absurdo? Ou você acha que gasta mais ou menos isso por ano?

Clique aqui para ver o relatório da WWF Brasil.

Continua após a publicidade
Publicidade