Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Contando Ninguém Acredita Por Blog As notícias mais bizarras e surreais do mundo

Homem veste 10 camadas de roupa para não pagar taxa extra em voo

Por Lucas Massao Atualizado em 4 jul 2018, 20h34 - Publicado em 25 jan 2018, 12h39

Pagar inúmeras taxas ao voar consegue deixar qualquer um estressado. O inglês Ryan Carney Williams pensou uma forma criativa de se isentar de uma dessas taxas, a de bagagem. Antes de embarcar em seu voo de volta da Islândia, na última quarta-feira (17), Williams vestiu oito pares de calças e dez camisetas.

Mas o plano de Williams não deu tão certo assim, já que a British Airways recusou entregar o cartão de embarque ao inglês após ele vestir as roupas que não cabiam em sua mala de mão. No Twitter, ele desabafou “@British_Airways Oi, estou preso no aeroporto de Keflavik, na Islândia, porque eu não tinha bagagem. Vesti todas as minhas roupas e eles ainda não me deixam embarcar. Perfilhamento racial?”.

No dia seguinte, Williams tentou voltar para Londres em um voo da EasyJet e teve sua passagem negada novamente. Após dois dias tentando, Williams conseguiu embarcar para o Reino Unido em um voo de uma empresa norueguesa.

A EasyJet explicou que o capitão e a tripulação ficaram preocupados com os acontecimentos do dia anterior e que iriam reembolsar o inglês. Por meio de uma porta-voz, a British Airways afirmou que “a decisão de negar o embarque absolutamente não foi baseada em etnia. Nós não toleramos ameaças ou comportamento abusivo de qualquer cliente e sempre tomaremos as ações devidas”.

Curiosamente, essa não é a primeira vez que um passageiro tenta escapar de taxas de bagagem usando uma quantidade excessiva de roupas. Em 2015, James McElvar, cantor do grupo escocês Rewind, desmaiou durante o trajeto Londres-Glasgow após usar 12 camadas de roupas. E também teve este caso aqui:

 

Com The Telegraph

Continua após a publicidade
Publicidade