Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Contando Ninguém Acredita Por Blog As notícias mais bizarras e surreais do mundo

Netflix cria variedades de maconha inspiradas em séries de sucesso

Por Lucas Massao Atualizado em 4 jul 2018, 20h34 - Publicado em 29 ago 2017, 18h59

Aquela tradicional pipoca que acompanha as séries da Netflix pode acabar sendo substituída, ou complementada, por maconha criada pela própria companhia. O conjunto de variedades de cannabis batizado de The Netflix Collection foi cultivado com inspiração nas produções de sucesso da empresa, e estava à venda para pessoas com permissão de comprar maconha medicinal durante um evento na Califórnia. “Cada variedade foi criada com shows específicos em mente, pensada para complementar cada título, baseada na temática dele”, diz um comunicado da gigante de streaming.

“Por exemplo, shows mais bobos possuem uma quantidade maior de indica (que promove alívio no corpo inteiro), enquanto dramas terão mais sativa (criadoras de um efeito estimulante) para fazer as cenas poderosas ressoarem mais.” Entre os shows que serviram de base para a maconha da Netflix estão Orange is the New Black, que deu origem ao Poussey Riot, boa para “usar com os amigos e relaxar em meio a piadas idiotas”; Arrested Development, cuja variedade foi chamada de Banana Stand Kush; e Grace and Frankie, inspiração para a Peyotea 73 – “um animador híbrido de sativa”.

As séries BoJack Horseman, Lady Dynamite e Santa Clarita Diet também deram origem a variedades customizadas de maconha. Os produtos foram criados para ajudar na promoção da nova sitcom Disjointed, criada por Chuck Lorre, de The Big Bang Theory, e que retrata a vida de uma dona de um dispensário de maconha.

Com The Guardian

Continua após a publicidade
Publicidade