Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Indústria de games precisa de escritores

Por Fred Di Giacomo Atualizado em 21 dez 2016, 10h18 - Publicado em 18 abr 2012, 21h49

O sonho de todo aspirante a escritor é publicar seu livro, ganhar uns prêmios e – se ele for um cara muito multimídia – fazer roteiros de filmes e séries. Bom, agora ele pode adicionar a essa lista a profissão de roteirista de games. Sim, use todas suas leitures de Shakespeare e Conan Doyle para ajudar a criar jogos e entrar neste mercado promissor. Considerando que a indústria de jogos só cresce e quanto mais profundos/complexos se tornam os lançamentos, mais eles precisam de um bom enredo para amarrar as dinâmicas e desafios.

No vídeo abaixo, Aunim Hossain, CEO da empresa de social game Tista Games, fala sobre o assunto.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=S5yPSklG9pI?wmode=transparent&fs=1&hl=en&modestbranding=1&loop=0&iv_load_policy=3&showsearch=0&rel=1&theme=dark&w=425&h=344%5D

Publicidade