Clique e assine a partir de 8,90/mês
Oráculo Por Blog Pode perguntar que a redação da SUPER responde: oraculo@abril.com.br

Por que às vezes não sentimos dor logo após sofrer um ferimento muito grave?

Por SUPER - Atualizado em 30 ago 2019, 10h55 - Publicado em 29 ago 2019, 15h03

Por causa de um fenômeno chamado analgesia induzida pelo estresse (SIA). Seu corpo – que ainda reage como o de um Homo sapiens pré-histórico – não está tão preocupado em sofrer com o machucado. A prioridade é não deixar o estrago aumentar – e te ajudar a fugir do animal feroz e dentuço que te ataco, por exemplo.

A SIA, portanto, é o jeito que o seu corpo dá de impedir que você preste atenção ao ferimento para fazer coisas mais importantes. Ela faz isso graças a um coquetel de substâncias como adrenalina (que aumenta sua capacidade de concentração) e opioides endógenos (analgésicos da família da morfina, só que produzidos pelo próprio organismo), que bloqueiam o caminho da dor pelos nervos. São eles, afinal, que “avisam” o cérebro que você se machucou, ligando as extremidades do corpo ao cérebro via coluna vertebral.

A diminuição da resposta da dor nem sempre vai ser completa. O grau em que a dor é bloqueada varia de pessoa para pessoa.

Fonte: Artigo Stress-induced analgesia, Ryan K. Butler e David P. Finn.

Publicidade