GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

A Eva dos vegetais fez um estágio nos lagos

A história da evolução das plantas pode ser reescrita. Depois de cinco anos de pesquisa, uma equipe internacional de biólogos concluiu que a ancestral de todas as espécies de vegetais saiu dos mares, mas não foi direto para a Terra. Passou antes um tempo em rios e lagos. “O salto evolutivo dessa Eva verde ocorreu há 500 milhões de anos”, disse à SUPER o botânico americano Brent Mishler, da Universidade da Califórnia em Berkeley, um dos autores do estudo. Mais tarde, algumas espécies que haviam saltado para o seco voltaram ao mar. Assim nasceram muitas das algas atuais. “A conclusão é um passo importante para se descobrir a origem exata de cada espécie vegetal”, comentou Eduardo Catharino, do Instituto de Botânica da Universidade de São Paulo.

supernoticias@abril.com.br

Algo mais

Segundo o biólogo americano Edward Wilson, do total de 275 328 espécies de plantas, 90% são terrestres. O resto são algas, que existem em seis variedades nas águas doces e salgadas.

Do molhado para o seco e de volta para o molhado

Uma alga saiu das águas, criou novas espécies em terra que, por sua vez, voltaram aos mares sob nova forma.

1. Há 1 bilhão de anos

Algas unicelulares saíram dos mares e se adaptaram à água doce dos rios e lagos.

2. Há 500 milhões de anos

Uma das algas acabou se agarrando ao solo, na forma de musgo. Era a Eva dos vegetais.

3. Há 135 milhões de anos

Os musgos transformaram-se nas primeiras plantas semelhantes às atuais, com flores.

4. Há 20 milhões de anos

Algumas plantas voltaram para o mar, dando origem a novos tipos de algas