Assine SUPER por R$2,00/semana
Continua após publicidade

“Esferas podem ser de origem alienígena”. Não é bem assim…

Novo estudo desmente alegações do astrofísico Avi Loeb, de Harvard – para quem objetos achados no fundo do oceano seriam oriundos de outra civilização.

Por Bruno Garattoni Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
6 fev 2024, 13h58

O que a notícia dizia:

Centenas de esferas encontradas no fundo do Oceano Pacífico, perto de Papua Nova Guiné, são feitas de uma liga metálica que não existe na Terra – e podem ser fragmentos de artefatos criados por alguma civilização extraterrestre.

Foi o que afirmou o astrofísico Avi Loeb, da Universidade Harvard, conhecido pelas alegações radicais (em 2017 ele disse que o Oumuamua, um objeto que passou pelo Sistema Solar, era uma nave espacial alienígena).

Qual é a verdade:

Continua após a publicidade

O físico Patricio Gallardo, da Universidade de Chicago, analisou (1) a composição química das amostras e concluiu que elas não têm nada de alienígena. Na verdade, trata-se de algo prosaico: as tais esferas são formadas por cinzas de carvão, provavelmente oriundas da poluição emitida por alguma fábrica.

Fonte 1. Anthropogenic Coal Ash as a Contaminant in a Micro-meteoritic Underwater Search. P Gallardo, 2023.

Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.