Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Mércurio, não Vênus, é o planeta mais próximo da Terra, diz estudo

Cientistas da Nasa calcularam a distância média entre os planetas, considerando a trajetória de suas órbitas, e chegaram a um resultado diferente do senso comum

Por Ingrid Luisa 18 mar 2019, 17h18

No colégio, os professores ensinam os alunos a memorizar os planetas do sistema solar pela ordem de distância do Sol: “Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno”. Por isso, quando nos perguntam qual é o planeta mais próximo da Terra, é intuitivo responder: Vênus. Porém, cientistas da Nasa atestaram que não é bem assim.

Na verdade, o planeta mais próximo da Terra, em média, é Mercúrio. Escrevendo no periódico Physics Today, os pesquisadores explicam que a forma usada comumente para calcular a proximidade dos planetas é simples demais, e não apresenta a realidade considerando o trajeto de suas órbitas. E essa confusão está intimamente ligada à forma como se mede as distâncias no sistema solar: para calcular a distância dos planetas entre si, usa-se como base a distância média entre os planetas e o Sol, estabelecida em Unidades Astronômicas (AU).

A Terra, claro, é o padrão: a distância média entre o nosso planeta e o Sol é de 149,6 milhões de quilômetros, ou 1 AU, enquanto a de Vênus é de cerca de 0,72 AU. Com base nesses valores, calcula-se que a distância média entre Terra e Vênus é de apenas 0,28 AU — a menor ao se comparar a distância da Terra com qualquer outro planeta.

  • Mas os cientistas perceberam que essa não é a maneira mais precisa de se afirmar qual planeta realmente é o vizinho mais próximo da Terra. Não é um erro dizer que sim, Vênus é o planeta que chega a uma menor distância de nós (os famosos 0,28 AU), mas isso só acontece uma vez durante todo o movimento de translação dos dois planetas — quando eles estão nas extremidades de suas órbitas. Na maior parte do tempo, porém, a Terra fica praticamente oposta a Vênus, perfazendo uma distância de 1,72 AU entre os dois.

    Os pesquisadores propuseram, então, que a distância média entre os planetas fosse calculada não usando a relação com o Sol, mas medindo cada ponto ao longo da órbita dos astros em questão. E eles fizeram isso. Resultado: Mercúrio é o planeta que fica mais perto da Terra por mais tempo. No vídeo abaixo, em inglês, um dos pesquisadores explica exatamente como eles fizeram todos esses cálculos.

    Mas esses novos resultados não significam que a ordem dos planetas no Sistema Solar esteja errada. Mércurio continua sendo o planeta mais próximo do Sol, seguido por Vênus e depois pela Terra, exatamente como a professora do colégio ensinou. Isso só não fala muito sobre as distâncias entre os planetas.

    Continua após a publicidade
    Publicidade