Clique e Assine por apenas 6,90/mês

Nova droga é tão eficiente quanto a morfina – e sem os efeitos colaterais

Derivado da endorfina criado por cientista americanos aliviou dor de ratos e não causou dependência química

Por Marcos Candido - Atualizado em 31 out 2016, 19h05 - Publicado em 5 fev 2016, 12h45

A partir da endorfina, pesquisadores norte-americanos afirmam terem criado uma fórmula mais segura que a morfina para aliviar dores muito fortes. E o mais importante: sem efeitos colaterais. 

Segundo os resultados apresentados pela Universidade de Tulane (EUA), manipulações feitas em amostras modificadas de endorfina foram capazes de aliviar a dor e não gerar dependência no organismo de ratos de laboratório. A morfina, criada há cerca de 200 anos, é derivada do ópio e costuma viciar pacientes que a utilizam em longo prazo. Além disso, quem usa o analgésico com frequência pode criar resistência no organismo – o que costuma fazer o dependente aumentar a dose e correr o risco de sofrer uma parada respiratória.

LEIA: 8 drogas ilegais que já foram (ou ainda são) prescrição médica

Durante o estudo, o novo derivado da endorfina fez o alívio da dor sem diminuir a respiração e inspiração dos ratos. Já os testes com morfina deixaram as cobaias tontas e com significativa queda na atividade respiratória.

Continua após a publicidade

Para se certificarem de que a droga desenvolvida não é viciante, os cientistas observaram o comportamento dos animais que usaram ambas as drogas. Aqueles tratados com morfina passaram a buscá-la com intensidade após o medicamento ser retirado, enquanto o restante não foi atrás da nova droga após o fim do tratamento.

A endorfina em seu estado natural é um neurotransmissor químico que libera alívio, prazer e uma sensação de bem estar no cérebro. A equipe pretende começar os testes do derivado em humanos daqui a dois anos e, caso sejam bem sucedidos, poderemos ter uma alternativa à morfina no mercado.

Publicidade