GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

O grande êxodo do Serengueti

É uma época de fartura para os predadores ¿ eles têm apenas que escolher os mais fracos dentre a multidão de bestas que se atropela no caminho para o norte.

O nome do maior parque nacional da Tanzânia, o lendário Serengueti, significa “planície sem fim” no idioma masai. Interminável mesmo parece ser a manada de 1,3 milhão de gnus, 60 000 zebras e 150 000 gazelas que anualmente migra em busca de água e comida no início da estação seca. Dias antes da partida, que costuma acontecer no final de maio, uma explosão populacional produz mais de 8 000 bezerros de gnu por dia, ainda nos pastos ao sudeste do parque. Os filhotes têm pouco tempo para aprender a andar. Logo o bando partirá em direção à fronteira com o Quênia, formando uma fileira que se estende por quilômetros ao longo do chamado corredor oeste, que leva ao Lago Victória. É uma época de fartura para os predadores – eles têm apenas que escolher os mais fracos dentre a multidão de bestas que se atropela no caminho para o norte. A espetacular manada só retorna ao Serengueti em novembro, quando as chuvas devolvem o verde às imensas planícies do parque. Do Serengueti ao parque nacional de Masai Mara, no Quênia, onde termina a viagem, a manada percorre cerca de 800 quilômetros.