GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Pirambóia respira mesmo fora d¿água

Existem peixes com pulmões?

Sim. A pirambóia, um peixe parecido com uma cobra-d’água, respira tanto no rio quanto no seco. “Ela mora em regiões pantanosas, que sofrem períodos de cheia e seca”, explica o especialista em peixes Naércio Aquino de Menezes, do Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo. Como os outros peixes, a pirambóia tem guelras, órgãos respiratórios que funcionam debaixo d’água. Quando seca o rio, ela se entoca na lama e respira pela boca e narinas. No começo da cheia, reassume o comportamento subaquático. A pirambóia é comum na América do Sul, mas tem primas parecidas na África e na Austrália.

Há, ainda, outros peixes que, apesar de não terem pulmões, desenvolveram órgãos com o mesmo papel. É o caso do pirarucu, comum na Amazônia. Ele tem um aparelho respiratório perto da boca e não respira embaixo da água: sobe à superfície e abocanha uma porção de ar. É o seu azar: nesse momento vira uma presa fácil para os pescadores e morre a pauladas.