GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Putin diz que Rússia vai lançar missão para Marte em 2019

O presidente russo declarou que vai lançar uma expedição o mais rápido possível, mas parte da comunidade cientifica não está acreditando muito nisso

Já faz algum tempo que Marte, nosso planeta vizinho, está atraindo atenção. Elon Musk, da SpaceX, já declarou mais de uma vez sua vontade de explorar o planeta, e a Nasa já está preparando uma sonda para ser lançada em maio. Agora, a Rússia também entrou no páreo.

Em entrevista ao apresentador Andrei Kondrashov, o presidente Vladimir Putin afirmou que o país planeja realizar missões tripuladas ao espaço como parte de um programa de estudos sobre a Lua e Marte em busca de, entre outras coisas, micro-organismos e indícios de água. O mais impressionante foi o prazo estipulado: o presidente russo prometeu a primeira missão para Marte já em 2019.

Parte da comunidade científica recebeu a notícia de maneira cética, principalmente por uma questão técnica. Em 2019, Terra e Marte estarão em lados opostos do Sol. Você pode até lançar uma missão neste período, mas precisaria de muito mais combustível para chegar lá. Seria mais fácil esperar até 2020 ou, como a Nasa está fazendo, lançar ainda em 2018.

É possível que Putin tenha se confundido com as datas ou apenas esteja otimista demais. Vale lembrar que a declaração foi dada pouco antes das eleições russas, que acontecerão neste domingo, 18.

Alguns jornais da imprensa internacional, como o The Thelegraph, interpretaram a declaração de Putin como uma provável resposta ao discurso que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, realizou nesta terça-feira, 13, quando reconheceu oficialmente que o espaço pode ser “um domínio de guerra” — e que planeja criar uma “força espacial”, que se somará às forças aéreas, navais e terrestres do Pentágono. Enquanto isso, o ministro da Defesa da Rússia, Sergei Shoigu, revelou planos para uma nova rede de satélites militares. Vamos ver o que nos aguarda em 2019.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Fernando Ribeiro da Silva

    Assim como os índios, serão os marcianos…

    Curtir