Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Segredos do buraco do mal

Sete pesquisadores de vários países exploraram, pela primeira vez, a cavidade de Minyé, o maior buraco causado por erosão já encontrado em todo o mundo. Semelhante à boca de um vulcão, ele se perde em meio à densa floresta tropical da Nova Guiné, com 450 metros de diâmetro e 410 de profundidade.

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 18h54 - Publicado em 30 set 1992, 22h00

O transporte do grupo até o fundo da “morada dos espíritos maus”, como é conhecido pelos nativos da região, só pôde ser feito por helicóptero, uma viagem arriscada e, em razão das traiçoeiras correntes de ar existentes no interior do buraco. Lá foram encontradas dezenas de corredeiras, uma variada vegetação natural e outras câmaras gigantescas – algumas com 200 metros de extensão por 120 de altura -, repletas, é obvio, de morcegos.

Publicidade