Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Ciência Maluca

Por redação Super Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Este blog não é mais atualizado. Mas fique à vontade para ler o conteúdo.
Continua após publicidade

Ser feliz faz mal para você

Por Thiago Perin
Atualizado em 21 dez 2016, 10h08 - Publicado em 9 abr 2012, 12h25

Lembra quando a gente falou, há um tempão, sobre um estudo americano que dizia que as pessoas felizem vivem menos? O pessoal do Washington Post publicou um artigo bem bacana sobre os efeitos-colaterais da felicidade — e prepare-se: são vários.

Pra começar, os felizes realmente morrem antes — isso porque são mais propensos a cair em comportamentos de risco, como beber demais, comer demais, usar drogas demais e se preocupar de menos com os perigos que tudo isso representa. O raciocínio também é afetado pela felicidade: o pensamento das pessoas felizes é menos sistemático, e elas são menos atentas aos detalhes — por isso, tendem a fazer julgamentos mais rápidos, e potencialmente errados. Os alegrões também são mais fáceis de enganar — em 2 estudos, voluntários mal-humorados detectaram mentiras mais facilmente do que os bem-humorados.

A felicidade mexe com o bolso, também. Em um outro estudo, conta o Washington Post, voluntários que tinham se declarado muito satisfeitos com a vida em uma primeira entrevista tinham, 20 anos depois, salários menores (cerca de $3.500 anuais a menos) do que os participantes apenas satisfeitos. Por quê? Muitos deles tinham parado de estudar antes. Ah, outra coisa que pode influenciar a trajetória profissional: as pessoas muito felizes tendem a ser menos criativas. A alegria também deixa as pessoas mais egoístas (tendo que dividir bilhetes de loteria entre eles mesmos e colegas de estudo, voluntários pegavam mais para si próprios do que as pessoas tristes) e menos eloquentes (os argumentos dos felizes são mais fracos).

Ou seja, meus amigos: quando bater a deprê, vocês podem lembrar de tudo isso, ver que até a tristeza têm seus benefícios e… Ficar felizes! Aliás… Ops. É, viver é difícil.

Continua após a publicidade

(Tchau, gente! Essa é a minha despedida do CIÊNCIA MALUCA. Obrigado a todo mundo que leu, comentou, curtiu, tuitou, discutiu, deu risada, xingou muito, elogiou, contou pros amigos… Foi uma delícia comandar o blog nesses 2 anos. Fiquem por aqui, que o CIÊNCIA MALUCA continua firme e forte, e a gente se vê!) :)

Crédito da foto: flickr.com/mrpunto

Leia também:
Ver filmes tristes deixa você alegre
Pessoas felizes vivem menos
Casais que falam como bebê são mais felizes

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.