Assine SUPER por R$2,00/semana
Imagem Blog

Oráculo

Por aquele cara de Delfos
Ser supremo detentor de toda a sabedoria. Envie sua pergunta pelo inbox do Instagram ou para o e-mail maria.costa@abril.com.br.
Continua após publicidade

Por que algumas pessoas cantam melhor do que outras?

Depende do que você considera "cantar bem": alguns fatores são subjetivos, outros, objetivos.

Por Bruno Vaiano Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 29 nov 2019, 15h56 - Publicado em 29 nov 2019, 15h55

Primeiro: o que é cantar bem? Alguns critérios são questão de treino: não desafinar, controlar bem a respiração e dominar a técnica de cada registro (registros são os diferentes mecanismos de produção de som com as cordas vocais – como o falsete ou o modal, que é a voz comum). Também é importante, por exemplo, fazer transições suaves de um registro para o outro.

É possível praticar e melhorar sensivelmente em cada um desses critérios, do mesmo jeito que podemos melhorar em instrumentos musicais.

Outros critérios, como o timbre, são considerados bons ou ruins conforme a estética da época. O vibrato exagerado das cantores de ópera italianas era motivo de tiração de sarro pelos críticos ingleses do século 19. A voz rouca de Joe Cocker seria deselegante no pop de Frank Sinatra, mas conquistou a década de 1960. O nasal nada sensual de Bob Dylan não é considerado propriamente agradável pelos fãs, mas ele nunca quis ser agradável: sua voz cortante casava com a mensagem de suas letras.

O timbre é uma característica biológica, evidentemente. Bem como a tessitura: certas pessoas alcançam mais notas que outras, e embora sempre se possa ganhar alguns meios tons a mais com alguns anos de treino, MC Jerry num vai chegar ao falsete de MC Melody. Como uma nota muito aguda sustentada por vários segundos é algo impressionante, o público não especialista pode ter a impressão de que pessoas de voz mais aguda cantam melhor – ainda que essa nem sempre seja a parte mais desafiadora de uma peça do ponto de vista técnico.

Por fim, há o repertório: pessoas acostumadas a ouvir música e cantar desde a infância terão mais facilidade em acertar a afinação, e tendem a transpor os trejeitos de seus ídolos em sua própria maneira de cantar. Em resumo, cantar bem é uma mistura de como você nasce, do quanto você pratica, de como você é criado e, enfim, se sua voz está em sintonia com o espírito de sua era. Difícil.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.