GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Imagens da Nasa mostram mudanças assustadoras no planeta

Agência espacial comparou paisagens da Terra ao longo do último século e o resultado é impressionante

O nosso planeta em um constante fluxo, fato. Mas, as alterações climáticas, a urbanização e os desastres naturais (como incêndios e inundações) têm mudado drasticamente a paisagem da Terra – e em um ritmo assustador. Isso pode passar meio despercebido por nós, reles seres humanos, mas do espaço a visão vai além do prédio novo que construíram na esquina ou do riozinho que secou.

Expansão urbana em Nova Déli, Índia

Imagens da Nasa mostram o quão rápido o planeta está mudando

 (NASA/)

Entre 1991 e 2016, a população da capital indiana e dos subúrbios (chamados de “Delhi”) foi de 9,4 milhões para 25 milhões.

Grande lago de sal Shrinkage, Utah

Imagens da Nasa mostram o quão rápido o planeta está mudando

 (NASA/)

As comparações mostram uma mudança drástica no lago de sal no período de 25 anos. Em 1985, o lago estava estava perto de sua capacidade. Já em 2010, vários riachos que o alimentavam acabaram desaparecendo.

Derretimento do gelo da Groenlândia

Imagens da Nasa mostram o quão rápido o planeta está mudando

 (NASA/)

Essa comparação é uma das mais chocantes – principalmente porque a mudança acontece em apenas dois anos. Segundo cientistas da NASA, rios e lagos começaram a se formar na superfície de gelo no início de 2016.

Lago Urmia, no Irã, muda de cor

Imagens da Nasa mostram o quão rápido o planeta está mudando

 (NASA/)

A combinação de algas e bactérias tem transformado o lago iraniano, que ganhou uma coloração avermelhada. O fenômeno acontece no verão, quando o calor evapora a água, aumentando a salinidade. Dados de satélites também indicaram que o lago perdeu cerca de 70% de sua área nos últimos 14 anos.

Degradação do lago Owens, Califórnia

Imagens da Nasa mostram o quão rápido o planeta está mudando

 (NASA/)

Localizado no vale de Owens, entre a serra Nevada e as montanhas de Inyo, o lago foi um dos pontos de parada de aves migratórias mais importantes dos EUA. Mas, no início do século 20, o rio Owens, que alimentava o lago, foi desviado para o aqueduto de Los Angeles. Águas de nascentes mantiveram o volume por alguns anos, mas produtos químicos lançados na água degradaram a região e acabaram com o habitat das aves.

Desmatamento de Baban Rafi, Nigéria

Imagens da Nasa mostram o quão rápido o planeta está mudando

 (NASA/)

A floresta é uma das áreas verdes mais importantes da Nigéria. As imagens mostram a perda de uma parcela significativa da paisagem natural para a agricultura. A população nessa região quadruplicou durante os 40 anos que antecederam a foto de 2007.

Escassez de água no Rio Colorado, México

Imagens da Nasa mostram o quão rápido o planeta está mudando

 (NASA/)

As duas imagens ilustram os dois extremos do rio desde que as medições começaram, no final de 1800. A foto de 1985 mostra um período em que o fluxo estava alto. Chuvas excessivas e grandes secas mudaram a quantidade de água disponível na Bacia do rio.

Seca no lago Poopó, Bolívia

Imagens da Nasa mostram o quão rápido o planeta está mudando

 (NASA/)

Um dos maiores lagos da Bolívia (e um importante pesqueiro para comunidades locais) secou após um grande período de estiagem e, também, por desvio de suas fontes de água para a mineração e para a agricultura. A última seca foi 1994 e o lago levou vários anos para se recuperar.

Inundação no Ganges, Índia

Imagens da Nasa mostram o quão rápido o planeta está mudando

 (NASA/)

Em 2016, as fortes chuvas encheram o Ganges e outros rios no leste e no centro da Índia. Mais de 100 mil pessoas tiveram que abandonar suas casas após a inundação

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Ricardo Soares

    Nenhuma do Brasil?

    Curtir

  2. Carlos Gomes

    É sério que vocês queriam um planeta estático por um século?
    O planeta sofreu mudanças bruscas e dramáticas por milênios antes revolução industrial, sem qualquer tipo de interferência do ser humano. Os profetas do apocalipse global desconsideram a interferência que o sol causa?

    Curtir