GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

O caminhão dos bombeiros

Ele tem 15 toneladas de equipamento. Mas só ajuda se houver organização. E dinheiro: um igual ao representado aqui, um modelo comum no Brasil, custa US$ 600 mil

Raphael Soeiro, Larissa Santana, Renata Miwa e Rabisco Estúdio

1. BOMBEIROS

Um grupo se preocupa em combater o incêndio: busca hidrantes, corta a energia do local, opera a escada. Eles andam no banco da frente do caminhão. No de trás vem o grupo que carrega equipamento de respiração e cuida do atendimento a vítimas.

2. ESCADA

Chega a 19 metros ou ao 6º andar de um prédio. (Para incêndios em andares mais altos, há caminhões especializados.) Na ponta vai um esguicho de água, que pode ser substituído por uma cabine se for preciso resgatar alguém.

3. SIRENE

São duas. A eletrônica, que soa como a da polícia, é usada para alertar motoristas e pedestres. A outra, chamada de bitonal, parece o apito de um navio. Serve para quando o trânsito não abre passagem e é mais alta do que a eletrônica.

4. ÁGUA

Vem de fontes como hidrantes ou rios. Mas o caminhão também carrega 1 800 litros de água para emergências (dá mais ou menos uma piscina infantil). Tem também 200 litros de líquido gerador de espuma, que extingue fogo em gasolina.

5. MANGUEIRAS

Até 12 se conectam ao caminhão. A bomba de água que as abastece é capaz de liberar até 5 500 litros de água por minuto, o suficiente para encher uma piscina para adultos.Mas essa potência toda só é usada em incêndios muito grandes.

6. ORGANIZAÇÃO

Mangueira, máscaras, cilindros de oxigênio e ferramentas ficam sempre do lado esquerdo do caminhão, cada um em sua prateleira. A disposição nunca muda para que ninguém perca tempo tentando achar equipamento.

Fontes Oficiais do Centro de Suprimento e Manutenção de Materiais Operacionais de Bombeiro: capitão Eduardo Henrique Briciug Martinez; tenente Bernardo Curioni; soldado Marjorie Ferreira; soldado Maristevo Gouveia Alves.