Assine SUPER por R$2,00/semana
Continua após publicidade

O horror, o horror

Por Da Redação Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 31 out 2016, 18h48 - Publicado em 31 out 2000, 22h00

Jerônimo Teixeira

O polonês naturalizado britânico Jósef Teodor Konrad Nalecz Korzeniowski subiu o Rio Congo em 1890. Lá presenciou um dos períodos mais sangrentos da violenta história africana. Estima-se que a população local, escravizada na extração de marfim, tenha sido reduzida à metade. Anos depois, o aventureiro Jósef Konrad, já convertido no escritor Joseph Conrad, publicou a obra-prima Coração das Trevas. No livro, o protagonista Marlow é encarregado de subir um rio até o posto comandado por Kurtz – um europeu que enlouquecera entre os selvagens. Kurtz só aparece nas últimas dez páginas, mas sua presença pesa sobre o livro todo. Esse personagem, até certo ponto louco até certo ponto lúcido demais, apaga a linha tênue entre civilizado e selvagem. Suas palavras finais resumem a história colonial da África: “O horror, o horror”.

Francis Ford Coppola fez do livro um filme brilhante, deslocando a ação para o Vietnã. Apocalypse Now, de 1979, custou 30 milhões de dólares e um ataque cardíaco ao ator Martin Sheen. A insanidade da guerra coube toda na cena antológica em que helicópteros arrasam um vilarejo ao som de Wagner. E Marlon Brando, como Kurtz, define o século que passou: “O horror, o horror”.

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.