GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Os 10 + de julho de 2008

1. Coringa, o Filme

Esse deveria ser o título de Batman – O Cavaleiro das Trevas. Há 20 anos, o Coringa de Jack Nicholson foi o melhor motivo para ver Batman no cinema. E agora a história se repete com Heath Ledger. Esse foi o último papel do ator, que morreu aos 28 anos, vítima de uma combinação desastrada de analgésicos, soníferos e cia. Último e melhor: na preparação para compor o inimigo número 1 do morcegão, Ledger se trancou num quarto de hotel durante um mês, desenvolvendo o que seriam a voz, a postura e os desarranjos psicológicos do personagem. Chegou mesmo a começar um diário como se fosse o próprio Coringa, reunindo pensamentos alucinados. O consagrado Michael Caine, que interpreta o mordomo Alfred, disse que, sem ter conhecido Ledger antes do filme, ficou tão assustado ao contracenar com o novo Coringa que chegou a esquecer suas falas.

Batman – O Cavaleiro das Trevas

Nos cinemas dia 18 de julho.

2. Parece cocaína, mas é só dinheiro

Sabe o que acontece quando estranhos negociam alguma coisa? O cérebro deles libera dopamina, um neurotransmissor ligado à sensação de prazer. E isso dá vontade de fazer mais e mais negócios – pudera, outra coisa que libera dopamina é a cocaína… É com exemplos assim que o jornalista científico Michael Shermer apresenta um novo campo de estudos, a neuroeconomia, e mostra como a psicologia e a biologia nos deixam pouco racionais quando o assunto é grana.

O Outro Lado da Moeda

Michael Shermer, Campus – Elsevier, 336 páginas – R$ 72

3. Pelo bem do mal

O que Saddam Hussein, Slobodan Milosevic, o terrorista Carlos Chacal e o nazista Klaus Barbie têm em comum, além do óbvio? Todos foram defendidos por um mesmo advogado, o francês Jacques Vergès, o homem que se especializou na defesa de gente indefensável. O documentário O Advogado do Terror revela que a motivação para defender tanta gente batuta é só um dos mistérios da vida de Vergès. Por exemplo: nos anos 70 ele disse à família que viajaria para a Espanha e desapareceu por 8 anos. Depois voltou a Paris e ao trabalho como se nada houvesse acontecido.

O Advogado do Terror

Nos cinemas dia 11 de julho.

4. Binóculo vivo

Na primeira animação da Pixar (Luxo Jr., de 1986) o protagonista era uma lâmpada de escrivaninha – aquela que hoje forma o “i” do logo do estúdio. Desde lá que eles não davam vida a algo tão inanimado quanto agora, com o robozinho lixeiro WALL•E (pronuncia-se “wallee”), que vive sozinho no planeta, depois de a humanidade ter abandonado a Terra, e se apaixona por uma robô alienígena. Ele não passa de um binóculo sobre esteiras, tipo os jipes marcianos Spirit e Opportunity. E mesmo assim parece algo bem vivo. Ficou a cara do Woody Allen.

Wall.e

Nos cinemas desde 27 de junho.

5. Mundo Flickr

Passo 1 – Entre no site www.taggalaxy.de.

Passo 2 – Digite uma palavra-chave (tipo “Rio de Janeiro” ou o seu nome).

Passo 3 – Espere o site procurar imagens relacionadas no Flickr, o álbum de fotos online.

Passo 4 – Divirta-se.

6. Infantil de gente grande

Neil Gaiman e Dave McKean são o Mick Jagger e o Keith Richards dos quadrinhos modernos. O roteirista e o ilustrador ganharam status de astros do rock depois da parceria na série Sandman, a melhor dos anos 90. Depois Gaiman virou um autor de best sellers (vem para a Feira de Literatura de Parati neste mês) e McKean foi trabalhar com cinema. Mas continuaram juntos. E neste livro infantil, o segundo da dupla, trazem de volta um pouco do visual de sonho e os roteiros com final surpreendente de Sandman.

Os Lobos Dentro das Paredes

Neil Gaiman e Dave Mckean, Rocco, 60 páginas – R$ 39,50

7. Recordes dos games

O mais assistido -A final da liga profissional de Starcraft, um jogo de estratégia, atraiu 120 mil fãs em 2005 para um estádio na Coréia do Sul.

O mais nostálgico -O americano Billy Mitchell fez 3 333 360 pontos no Pac Man, o maior número possível, depois de jogar 5 horas e meia de Atari.

Os mais voados -Bruce Dickinson, do Iron Maiden, e outros 16 jogadores passaram 7 dias (64 115 km virtuais) voando sem parar no Flight Simulator.

O mais olímpico – O brasileiro Carlos Krueger conseguiu no ano 2000 fazer 6,98 segundos nos 100 metros rasos do jogo Olympic Summer Games.

Guinness World Records Games 2008

Ediouro, 288 páginas, R$ 60

8. Nem bons nem maus

O maior exército que os gregos já tinham visto atravessou o estreito de Dardanelos (atual Turquia) em 480 a.C. Seu líder era Xerxes, cuja obsessão era transformar a Grécia numa província de seu império. Depois, os gregos entraram para a história como os “bons” e os persas como os “maus”. Mas não neste livro: aqui você também vê as brigas mesquinhas entre os gregos e o lado positivo do domínio persa, que estabelecia a tolerância religiosa e fortalecia a agricultura.

Fogo Persa

Tom Holland, Record, 446 páginas, R$ 54

9. Alfabeto Google Earth

Você escreve uma mensagem neste site e manda por e-mail. Quando o destinatário abre, aparecem construções vistas de cima fazendo o papel das letras. É a coisa mais simples e ao mesmo tempo engenhosa desde quando colocaram um ovo em pé.

www. geogreeting.com

10. Roteiro abduzido

Os produtores tentaram manter o roteiro de Arquivo X – Eu Quero Acreditar em segredo. Mas a sinopse de um livro baseado no filme, que será lançado depois, vazou na rede. E pode entregar alguma coisa: lá tudo começa quando um grupo de mulheres desaparece nas montanhas nevadas da Virgínia. As primeiras investigações levam a um padre que tem visões paranormais e a experimentos médicos bizarros. O que isso tem a ver com o sumiço das mulheres? Fox Mulder e Danna Scully voltam da aposentadoria para descobrir.

Arquivo X Eu Quero Acreditar

Nos cinemas dia 25 de julho.