GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Tecido natural é mais fácil de amassar

Por que alguns tecidos amarrotam mais que outros?

Um dos principais fatores que levam um tecido a amassar é o material do qual ele é feito. Ficar engomadinho o dia todo não é fácil para quem veste linho, produzido com o caule da planta que tem o mesmo nome (Linum usitatissimum). As fibras do vegetal são unidas por uma cola natural, chamada lignina. Ela é a culpada pelos vincos e pelas dobras. Quando o pano é deformado, a lignina se dobra e não volta ao normal. As indústrias têxteis, muitas vezes, abrem as fibras do linho e retiram delas parte da lignina. Assim, o tecido amassa menos. Já as fibras sintéticas, como o poliéster, são naturalmente flexíveis. “Por serem feitas de plástico, tornam-se muito mais elásticas”, explica Cosmo Burti, químico e professor da Escola Têxtil do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), em São Paulo. O modo como são tecidos os fios também é fundamental para definir se ele vai amassar com facilidade ou não.

A dança dos fios

A elasticidade do tecido depende, entre outras coisas, do arranjo das fibras. Ele pode ter três formas.

O urdume, comum nos tecidos de linho, não dá muita elasticidade.

No chamado não-tecido, as fibras são emaranhadas. Máscaras cirúrgicas são feitas desse pano pouco elástico.

A malha é a forma de tecer mais maleável. Com ela, o pano amarrota menos. Serve para fazer roupas de algodão.