GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Um pesadelo que ninguém quer ter

Por que nós nunca sonhamos que estamos morrendo?

Na verdade, sonhamos, sim. Mas isso não acontece com freqüência, principalmente entre os mais jovens. De acordo com a maioria dos psicólogos, para sonhar que estamos morrendo precisamos passar por momentos extremamente desagradáveis, como a perda de um parente próximo ou uma grande decepção amorosa. “E, como não ficamos desesperados o tempo todo, esse tipo de pesadelo acaba sendo incomum”, afirma a psicóloga Elizabeth Cotta Mello, da Sociedade Brasileira de Psicologia Analítica. Além disso, mesmo que o sonho ocorra, nem sempre nos lembramos dele. De acordo com a psicanálise do austríaco Sigmund Freud (1856-1939), tudo que passa pela nossa cabeça à noite – até mesmo uma cena de morte – é o resultado de algum desejo ou frustração, mesmo inconsciente, que tivemos durante o dia. Já a psicologia analítica, de Carl Gustav Jung (1875-1961), acredita que um sonho desses pode ser o reflexo de uma situação limite. Até mesmo do medo muito grande de morrer. Como se vê, o tema é polêmico.