Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

A história de amor entre Cate Blanchett e Rooney Mara dispensa palavras em trailer de “Carol”

Atrizes estrelam adaptação da obra de Patricia Highsmith que chega aos cinemas brasileiros em 14 de janeiro

Por Jessica Soares Atualizado em 31 out 2016, 19h03 - Publicado em 27 nov 2015, 17h15

Quando chegou às livrarias em 1952, O Preço do Sal, segundo romance da escritora Patricia Highsmith, trazia o pseudônimo Claire Morgan na capa. A americana, que acabara de lançar Pacto Sinistro (suspense levado para os cinemas em 1951 por Alfred Hitchcock), temia ser rotulada pelo teor da trama de sua nova obra. Isso porque, diferente da história de estreia da autora, em que acompanhamos dois homens arquitetando um plano para executarem dois assassinatos sem deixar rastros, seu segundo livro tinha um tema muito mais polêmico: o amor entre duas mulheres.

Na história, a jovem Therese Belivet trabalha como vendedora em uma loja de departamentos – um emprego temporário para juntar dinheiro e construir uma carreira como cenógrafa de teatro. É em meio aos vários rostos desconhecidos que transitam pela loja movimentada que Therese avista Carol, mulher elegante e encantadora com quem começa um romance. A obra, que foi um sucesso de vendas, foi pioneira por fugir das amarras do gênero – a literatura com personagens lésbicas da época (voltada principalmente para homens) seguia uma fórmula previsível: a jovem “inocente e influenciável” acabava se “endireitando” ao encontrar um homem especial, enquanto a mulher madura amargava a solidão ou optava pelo suicídio. Já para a relação de Therese e Carol há a possibilidade de um final feliz.

Na década de 1980, Patricia Highsmith assumiu a autoria da obra pioneira, rebatizada então como Carol. E é com esse nome que a adaptação cinematográfica do livro chegará aos cinemas brasileiros em 14 de janeiro de 2016. O filme, que tem roteiro de Phyllis Nagy e é dirigido por Todd Haynes, traz as atrizes Cate Blanchett e Rooney Mara no papel das mulheres de origens distintas que acabam vivendo um caso de amor na Nova York dos anos 1950.

Um pouco da elogiada performance das atrizes – que já são favoritas para a temporada de premiações – pode ser vista no mais recente trailer do filme. Sem diálogos, o vídeo nos convida a acompanhar o romance e atração que permeia o longa ambientado na metade do século 20:

 

 

LEIA TAMBÉM:
22 filmes que contam a história de astros da música
6 clássicos do cinema que não ganharam o Oscar

 

Continua após a publicidade
Publicidade