Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Aventuras no céu e no mar

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 19h00 - Publicado em 29 jul 2009, 22h00

Na Esteira do Irma (Editora Nova Fronteira), de Geraldo Tollens Link, conta a história do imigrante alemão e marceneiro naval Joachim Bormann. Bormann trabalhou na Varig (Viação Aérea Rio – Grandense) quando a companhia era dona de uma única aeronave, o hidroavião Atlântico, comprado na fundação da empresa, em 1927. Bormann construía os botes que levavam os passageiros ao hidroavião. Seguindo a trajetória da vida do marceneiro, o autor conta o início da aviação comercial no Brasil, uma parte importante da evolução tecnológica do país. E curiosidades, como a de que um dos últimos passageiros do Atlântico foi Getúlio Vargas, em 1929, pouco antes da Revolução de 30, que o levaria à Presidência da República. O Irma do título foi o pequeno veleiro com que Bormann navegou pela costa brasileira, aventura narrada por Link. .

Publicidade