Assine SUPER por R$2,00/semana
Continua após publicidade

“Batman: Despertar” é aposta do Spotify no universo dos super-heróis

Com versões feitas em nove países (Brasil incluso), áudio série que estreia na terça (3) é o primeiro fruto da parceria da plataforma com a Warner Bros. e a DC Comics.

Por Rafael Battaglia
Atualizado em 3 Maio 2022, 10h09 - Publicado em 2 Maio 2022, 10h32

Depois do Batman de Robert Pattinson, que estreou nos cinemas em março, o Homem Morcego vai ganhar outra adaptação audiovisual em 2022. Quer dizer, só em áudio. Na próxima terça-feira (3), chega ao Spotify Batman Despertar, áudio série original da plataforma criada por David S. Goyer, roteirista responsável pela trilogia O Cavaleiro das Trevas, de Christopher Nolan.

Na história, Bruce Wayne trabalha como patologista forense em Gotham City. Ele não se lembra dos seus dias como Batman – seus pais, Thomas e Martha Wayne, inclusive, estão vivos. Bruce fica obcecado com o Ceifador, o mais novo serial killer da cidade. Tão obcecado que Thomas, chefe do Hospital do Gotham, pede ao filho que se afaste do trabalho e comece a se consultar com o Dr. Hunter, um estranho psicólogo.

O roteiro original de Batman Despertar foi desenvolvido nos Estados Unidos. Mas a série foi adaptada para outros idiomas, com direção e atores locais de mais oito países: França, Alemanha, Índia, Indonésia, Itália, Japão, México – e Brasil.

“A primeira coisa que decidimos foi que [Batman Despertar] não seria uma dublagem ou um trabalho de animação, mas algo único, diferente”, disse o cineasta Daniel Rezende (Bingo – O Rei das Manhãs, Turma da Mônica: Laços), diretor da versão brasileira da áudio série, em coletiva de imprensa realizada na última quinta (28).

Continua após a publicidade

Leitor assíduo das histórias do herói, Rezende confessou que nunca tinha feito algo parecido até então – mas que isso foi, justamente, o que o levou a topar o projeto. “Desde os meus primeiros trabalhos como montador, eu sempre achei que o som contava a história melhor que a imagem”, relembrou o cineasta, cuja montagem de Cidade de Deus foi indicada ao Oscar, em 2004. “Na ilha de edição, eu fechava os olhos e prestava atenção apenas no áudio. Se ele ficava legal, então eu voltava e consertava a imagem.”

Ator que interpretará a áudiossérie Batman Despertar.
O diretor Daniel Rezende durante coletiva de imprensa de Batman Despertar (Bruno Poletti/Divulgação)

Haja gogó

Para criar algo novo a partir do material original, Rezende quis que a produção de Batman Despertar fosse um “processo de desconstrução contínuo”. Para isso, chamou atores de diferentes frentes (teatro, audiovisual, dublagem) para que encontrassem, juntos, o tom da série.

Continua após a publicidade

Quem dá vida ao Batman é o ator Rocco Pitanga. Já sua irmã, Camila, interpreta Kell, ajudante de Bruce Wayne no necrotério. “É a primeira vez que eu contraceno com o meu irmão”, lembrou a atriz, que revelou poucos detalhes sobre a sua participação na história, sob o risco de entregar spoilers.

O vilão Ceifador é interpretado por Hugo Bonemer. E a atriz Tainá Müller empresta sua voz para Barbara Gordon, filha do Comissário Gordon e que, na ausência do Batman, vai recorrer a outro detetive de Gotham: o Charada (Augusto Madeira).

A equipe contou com fonoaudiólogos para auxiliar nos aquecimentos (e desaquecimentos) vocais. “Aprendi que colocar a língua para trás, no céu da boca, ajuda a ir deixando a voz mais grave”, disse Tainá, que ressaltou que as interpretações no estúdio eram cheias de caras e bocas. “É bem diferente de atuar na frente das câmeras. Vale de tudo para transmitir a imagem pela voz.”

“Para mim, a respiração era o grande apoio da atuação”, disse Camila, que precisou tomar cuidado com o roteiro impresso que tinha em mãos. “Todo mundo lia as suas falas em uma tablet, menos eu. Tive que virar as páginas bem devagarzinho para não fazer barulho e estragar a gravação.”

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:

Para entrar no personagem, Rocco fez um intensivão do Homem Morcego. “Durante as gravações, eu não assisti a nada que não fosse do Batman”, relembrou o ator. “Fiquei isolado no hotel, vi a série Gotham e até fiz exercícios. Não, meu corpo não aparece em cena. Mas me ajudou a mergulhar na personalidade desse Bruce Wayne.

Batman Despertar traz um Batman negro, e não só na versão brasileira. Nos EUA, quem vive o herói é Winston Duke, o M’Baku de Pantera Negra. “O Batman é muito humano. Ele enfrenta uma dor comum e, em meio a ela, busca defender o coletivo. Por que não poderia ser negro?”, questiona Rocco. “É claro: pela voz, cada um pode reconhecer o herói à sua maneira. Mas acredito que a série pode inspirar positivamente. É uma simbologia muito forte.”

“Uma provocação aos fãs”

Atores que interpretarão a áudiossérie Batman Despertar.
Os atores Tainá Müller, Rocco Pitanga e Camila Pitanga (Bruno Poletti/Divulgação)

Não é a primeira vez que o Batman dá as caras (ou melhor, a voz) em uma produção 100% áudio. Nos anos 1940, o personagem apareceu em alguns episódios do programa de rádio do Superman. Em 2010, a BBC lançou o áudio drama Batman: The Lazarus Syndrome, no qual o Comissário Gordon investiga o assassinato do herói. E em 2021, o HBO lançou Batman: The Audio Adventures, uma comédia que presta homenagem à série de TV do Batman dos anos 1960.

A diferença aqui é a escala do projeto. De acordo com o Spotify, esse é o maior lançamento simultâneo da plataforma – e o primeiro fruto da parceria firmada com a Warner Bros. e a DC Comics. O acordo, anunciado em 2020, prevê a criação de vários conteúdos com os personagens da editora. No Brasil, Despertar será a terceira série original de ficção do serviço, depois de Sofia e do (ótimo) sci-fi Paciente 63.

Despertar é uma atualização do Batman em vários níveis”, defende Tainá, tanto em relação ao formato quanto ao conteúdo da história, que promete embaralhar e recontar a origem consagrada do herói. “É uma provocação aos fãs do personagem”, disse Camila.

Continua após a publicidade

Ouça o trailer de Batman Despertar:

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.