GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Como assistir aos vencedores do Globo de Ouro 2019

Veja as datas de estreia dos filmes premiados e saiba quais produções já estão na Netflix e em outros serviços de streaming

Na noite do último domingo (6), aconteceu a entrega de prêmios do Globo de Ouro 2019. A cerimônia, que abre a temporada de premiações do cinema, é organizada pela Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA, em inglês).

Em sua 76a edição, a cerimônia distribuiu 24 estatuetas para categorias do cinema e da televisão e foi apresentada pelo comediante Andy Samberg (Brooklyn Nine-Nine) e pela atriz Sandra Oh, que também levou um dos prêmios da noite: melhor atriz de série dramática por Killing Eve. 

Os destaques da noite foram os discursos sobre inclusão e representatividade em Hollywood. Sandra falou sobre artistas asiáticos ao mencionar Crazy Rich Asians, um dos indicados na categoria Melhor Filme – Musical ou Comédia). Além dela, a atriz Regina King, que venceu como melhor atriz coadjuvante pelo filme Se a Rua Beale Falasse, prometeu que, nos próximos anos, vai trabalhar em produções em que 50% da equipe seja composta por mulheres – e incentivou outros a fazer o mesmo.

Veja abaixo uma lista com os vencedores das principais categorias – e um guia para como assisti-los.

FILME

Bohemian Rhapsody 

A cinebiografia da banda de rock Queen e, principalmente, do vocalista Freddie Mercury, venceu nas categorias de melhor filme dramático e melhor ator de drama para Rami Malek, que viveu o líder da banda nas telonas. O sucesso é também financeiro: o filme já faturou mais de US$ 743 milhões de bilheteria no mundo.

Onde assistir: Dá para encontrar algumas seções para o filme, que ainda está em cartaz.

Green Book: O Guia

O grande vencedor da noite, Green Book levou as estatuetas de Melhor Filme – Comédia ou Musical, Melhor Roteiro e Melhor Ator Coadjuvante (Mahershala Ali). Baseado em uma história real, o longa se passa nos anos 1960 e conta uma história de amizade entre um pianista de jazz negro (Ali) e seu guarda-costas branco (Viggo Mortensen) em meio à segregação racial dos EUA.

Onde assistir: Estreia nos cinemas dia 24 de janeiro.

Roma

O novo filme do diretor Alfonso Cuarón, que já levou um Oscar por Gravidade, faz um sensível retrato do México nos anos 1970 por meio de uma família de classe média e sua empregada doméstica.

No Globo de Ouro, Roma uma regra da premiaçãoganhou como melhor filme estrangeiro e melhor diretor para Cuarón. No entanto, as críticas positivas (e merecidas) não foram o bastante para colocá-lo na principal categoria. Devido a , apenas filmes em inglês são elegíveis para os troféus de Melhor Filme.

Onde assistir: O filme foi feito para a Netflix e já está disponível no catálogo.

Homem-Aranha no Aranhaverso

Você gosta do Homem-Aranha? Que tal um filme com cinco deles? A Animação da Sony, que desbancou Os Incríveis 2 e ganhou como melhor animação, se passa em um multiverso do herói aracnídeo, no qual existem uma porção de universos diferentes. Além de Peter Parker, pode esperar por personagens como Miles Morales, Spider-Gwen e até um porco-aranha.

Onde assistir: Estreia nos cinemas nesta quinta, dia 10 de janeiro.

SÉRIE

The Americans

Um casal de espiões russos da KGB se infiltra nos Estados Unidos nos anos 1980, em plena Guerra Fria. Essa é a premissa da série, que levou o Globo de Ouro de Melhor Série de Drama. Iniciada em 2013, The Americans terminou a sua sexta (e última temporada) em 2018.

No ano passado, ela venceu dois Emmys (melhor ator e roteiro), o principal prêmio da televisão, mas muita gente diz que ela nunca recebeu devida atenção.

Onde assistir: canal FX e no serviço de streaming Fox Play.

O Método Kominsky

A série estrelada por Michael Douglas e Alan Arkin venceu nas categorias de melhor série cômica e melhor ator de comédia para Douglas e brinca com o processo de envelhecer.

Na história, um professor de atuação tenta ajudar seu amigo amigo e agente a passar por uma fase difícil, ao mesmo tempo em que precisa cuidar da sua escola de atores. A sitcom marca o retorno de Michael Douglas à TV após 42 anos e foi criada por Chuck Lorre, que tem no currículo séries como Two and a Half Man The Big Bang Theory.

Onde assistir: A série foi feita para a Netflix e já está disponível no catálogo.

American Crime Story: O assassinato de Gianni Versace

Indicada a quatro Globos de Ouro, a segunda temporada de American Crime Story ganhou dois prêmios: melhor série limitada ou filme para TV e melhor ator para Darren Criss.

A ideia da produção, criada por Ryan Murphy (GleeAmerican Horror Story), é funcionar como uma antologia: cada temporada é uma história diferente. A primeira, igualmente elogiada, foi sobre o caso de assassinato envolvendo o ex-jogador de futebol americano O.J. Simpson. Nessa, a trama gira em torno do serial killer Andrew Cunanan (Criss), que assassinou o estilista Gianni Versace.

Onde assistir: Canal FX e na Netflix a partir do dia 17 de janeiro (a primeira temporada já está disponível).