GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Contra a superstição e a ignorância

Em seu novo livro, Carl Sagan propõe exorcizar o demônio da falta de conhecimento sobre ciência.

Ciência, para o astrônomo americano Carl Sagan, significa progresso e civilização. E ele acha que estamos longe do que seria o conhecimento científico ideal, conforme explica em seu último livro, The Demon-Haunted World (o mundo assombrado pelo demônio, ainda não traduzido para o português). Em sua opinião, não temos um sistema educacional eficiente e a divulgação das pesquisas pela imprensa é precária. Para Sagan, se o conhecimento não for estendido à maior parcela possível da população, a própria democracia política funcionará mal. No livro, ele usa seu estilo já conhecido, simples e direto. Diz que “não explicar a ciência é uma perversidade porque o desconhecimento induz à superstição e ao preconceito, que estão ganhando terreno. É o que ele chama de mundo assombrado pelo demônio. Boa parte do livro consiste na análise cuidadosa de diversas idéias equivocadas, porém muito difundidas. Como a vontade de achar que os discos voadores visitam a Terra, a crença nos vários tipos de magia, forças sobrenaturais e seitas exóticas. Sagan discute pacientemente esses tópicos e defende o investimento em pesquisa, como a exploração espacial. Ele faz questão de dizer que seu livro é uma declaração de princípios, “refletindo meu amor de uma vida inteira pela ciência”.

Preço: 39,95 dólares

Random House: 001 212 751 2600